Pesquisar este blog

sábado, 26 de maio de 2012

Sofrendo o abandono

“Recomendo-te que guardes o mandamento sem mácula, irrepreensível, até a aparição de nosso Senhor Jesus Cristo, a qual a seu tempo será realizada pelo bem-aventurado e único Soberano, Rei dos reis e Senhor dos senhores, o único que possui a imortalidade e habita em luz inacessível, a quem nenhum homem viu, nem pode ver. A ele, honra e poder eterno! Amém.” 1 Timóteo 6:14-15.

Uma experiência:

Linda flôr
Uma dúvida muito perigosa e que atordoa a mente de muitos é se às imagens de escultura de caráter religioso vão ser um problema naquele grande e terrível dia.
 Tenho apresentado varias mensagens da bíblia relacionada a tais imagens e até com o alerta de que elas tornam a pessoa abominável diante do Senhor Jesus o Cristo de Deus a exemplo de Deuteronômio 27:15. Há muitos covardes na terra e que não se importam com a salvação das preciosas almas por quem Jesus Cristo morreu, porque já possui pacto fechado como diabo, o pai da mentira, homicida desde o princípio.

Sendo o homem sincero  e sábio em seus caminhos (Romanos 1) será fácil para ele ver e entender que não há nenhuma concordância entre as escrituras e as imagens de caráter religioso. Seja qual for o argumento apresentado, vão estar errados e anulando as escrituras que é a única fonte de vida eterna. João 5:39.
Pelo exposto, quero no amor do Senhor Jesus Cristo contar-lhe uma experiência desastrosa por um lado e gloriosa pelo outro, sobre fato passado comigo.
Tudo que vou falar na experiência a seguir encontra  fundamento no conselho de Paulo aos Corintios, (2 carta) no capitulo 11, verso 4, onde ele alerta sobre o perigo  de "outro Jesus", e também em 1 Timóteo 6: 14 -16, Apocalipse 1:16-17.


Sofrendo o abandono:

Fui chamado a ir a uma casa onde uma senhora, não crente, muito idosa e que havia sofrido uma queda com fratura do quadril, estava muito doentinha.
Lá chegando começamos a conversar e ela estava profundamente triste. Orando e conversando com ela, diante da sua família ela revelou o motivo de sua tristeza com as seguintes palavras: "Jesus me abandonou!"
Retruquei dizendo que não, pois Ele Jesus, o Unigênito de Deus, não faz acepção de pessoas e não despreza a ninguém e muito menos aquele que vai a Ele como necessitado. E ela insistiu e falou que ele havia virado as costas para ela, ao que perguntei para a mesma: Mas como foi isso?
Fiquei um pouco irado naquele momento; Pois a pobre e idosa senhora me falou de uma visão que ela teve de Jesus entrando em seu quarto, parando junto à porta, fitando-a por um momento e depois virando as costas e saindo.
Aquela pobre senhora tinha em sua parede uma imagem de escultura dita de Jesus.
Perguntei para ela, como era o aspecto da pessoa ou ser que ela tinha visto na porta de seu quarto e ela apontando para o quadro na parede disse:
- Ele era igualzinho aquele ali no quadro.
Não havia como falar de outro modo ou em outro tom e disse a ela que não fora Jesus Cristo que esteve ali em seu quarto, mas o próprio diabo em pessoa e usando o que era dele, uma figura da idolatria. 
Abrindo a bíblia e apresentando a ela o Maravilhoso Único e Poderoso Salvador, ao final aquela senhora entregou o seu coração a Jesus Cristo, conforme as escrituras, como seu único e suficiente Salvador e ao sairmos dali, para glória e honra do Senhor Jesus, aquela alma preciosa estava em paz. E durante os dias que se seguiram através de sua família pude ouvir com alegria "agora ela está muito bem e alegre e está até mais bonita". Glórias a Jesus!
No ano passado tive o privilégio de batizar nas águas um senhor de 89 anos que desde criança fora ensinado a venerar e cultuar as imagens. Diante desses fatos fico a pensar nos outros muitos milhares de idosos que partiram professando um engano crendo em purgatório que tem sua origem no inferno e nos “Campos Elísios” da cultura romana  e hoje se encontram irremediavelmente perdidos, sem a preciosa salvação de suas almas,  e estarão para sempre e eternamente nas trevas, onde há choro e ranger de dentes.

“Hoje veio salvação a esta casa, pois também esse é filho e bendito com o crente Abraão que andou por fé não por vista.” Lucas 19 e Gálatas 3

Sofrendo o abandono

“Recomendo-te que guardes o mandamento sem mácula, irrepreensível, até a aparição de nosso Senhor Jesus Cristo, a qual a seu tempo será realizada pelo bem-aventurado e único Soberano, Rei dos reis e Senhor dos senhores, o único que possui a imortalidade e habita em luz inacessível, a quem nenhum homem viu, nem pode ver. A ele, honra e poder eterno! Amém.” 1ª Timóteo 6:14-15.

Uma experiência:
Uma dúvida muito perigosa e que atordoa a mente de muitos é se às imagens as imagens de escultura de caráter religioso vão ser um problema naquele grande e terrível dia.
 Tenho apresentado varias mensagens da bíblia relacionada a tais imagens e até com o alerta de que elas tornam a pessoa abominável diante do Senhor Jesus o Cristo de Deus a exemplo de Deuteronômio 27:15. Há muitos covardes na terra e que não se importam com a salvação das preciosas almas por quem Jesus morreu, porque já possui pacto fechado como diabo, o pai da mentira, homicida desde o princípio.
Sendo sincero o homem e sábio em seus caminhos (Romanos 1) será fácil para ele ver e entender que não há nenhuma concordância entre as escrituras e as imagens de caráter religioso. Seja qual for o argumento apresentado, vão estar errados e anulando as escrituras que é a única fonte de vida eterna. João 5:39.
Pelo exposto, quero no amor do Senhor Jesus contar-lhe uma experiência desastrosa por um lado e gloriosa pelo outro, passado comigo.
Tudo que vou falar na experiência a seguir encontra  fundamento no conselho de Paulo aos Corintios, (2ª carta) no capitulo 11, verso 4, onde ele alerta sobre o perigo  de "outro Jesus", e também em 1ª Timóteo 6: 14 -16, Apocalipse 1:16-17.

Sofrendo o abandono:
Fui chamado a ir a uma casa onde uma senhora, não crente, muito idosa e que havia sofrido uma queda com fratura do quadril, estava muito doentinha.
Lá chegando começamos a conversar e ela estava profundamente triste. Orando e conversando com ela, diante da sua família ela revelou o motivo de sua tristeza com as seguintes palavras: "Jesus me abandonou!"
Retruquei dizendo que não, pois Ele Jesus, o Unigênito de Deus, não faz acepção de pessoas e não despreza a ninguém e muito menos aquele que vai a Ele como necessitado. E ela insistiu e falou que ele havia virado as costas para ela, ao que perguntei para a mesma: Mas como foi isso?
Amigo, eu fiquei irado naquele momento. Pois a pobre e idosa senhora me falou de uma visão que ela teve de Jesus entrando em seu quarto, parando junto à porta, fitando-a por um momento e depois virando as costas e saindo.
Aquela pobre senhora tinha em sua parede uma imagem de escultura dita de Jesus.
Perguntei para ela, como era o aspecto da pessoa ou ser que ela tinha visto e ela apontando para o quadro na parede disse:
- Ele era igualzinho aquele ali no quadro.
Naquele momento não teve outro jeito. Eu não podia falar de outro modo ou em outro tom e disse a ela que não fora Jesus Cristo que esteve ali em seu quarto, mas o próprio diabo em pessoa e usando o que era dele, uma figura da idolatria. 
Abrindo a bíblia e apresentando a ela o Maravilhoso Único e Poderoso Salvador, ao final aquela senhora entregou o seu coração a Jesus Cristo, conforme as escrituras, como seu único e suficiente Salvador e ao sairmos dali, para glória e honra do Senhor Jesus, aquela alma preciosa estava em paz. E durante os dias que se seguiram através de sua família pude ouvir com alegria "agora ela está muito bem e alegre e está até mais bonita". Glorias a Jesus.
No ano passado tive o privilégio de batizar nas águas um senhor de 89 anos que desde criança fora ensinado a venerar e cultuar as imagens. Diante desses fatos fico a pensar nos outros muitos milhares de idosos que partiram professando um engano crendo em purgatório que tem sua origem no inferno e nos “Campos Elísios” da cultura romana  e hoje se encontram irremediavelmente perdidos, sem a preciosa salvação de suas almas,  e estarão para sempre e eternamente nas trevas, onde há choro e ranger de dentes.

“Hoje veio salvação a esta casa, pois também esse é filho e bendito com o crente Abraão que andou por fé não por vista.” Lucas 19 e Gálatas 3

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Retomando o Planeta Terra.


"porque a terra é minha diz o Senhor..."
Vai discutir com Ele?
Você sabia que Deus vai retomar a terra que é dEle e vai destruir os que destroem a terra?
Ele o Deus Todo Poderoso após o arrebatamento de sua igreja, vai estar literalmente limpando o terreno para estabelecer pelo seu poder o seu reino visível na terra que é o Milênio de Cristo, o Sétimo Dia, o Dia do Senhor; E  Ele vai reinar de Jerusalém com vara de ferro.
Leia com atenção. 
“E o sétimo anjo tocou a sua trombeta, e houve no céu grandes vozes, que diziam:
- Os reinos do mundo vieram a ser de nosso Senhor e do seu Cristo, e ele reinará para todo o sempre.
E os vinte e quatro anciãos, que estão assentados em seus tronos diante de Deus, prostraram-se sobre seus rostos e adoraram a Deus, Dizendo:
- Graças te damos, Senhor Deus Todo-Poderoso, que és, e que eras, e que hás de vir, que tomaste o teu grande poder, e reinaste.
E iraram-se as nações, e veio a tua ira, e o tempo dos mortos, para que sejam julgados, e o tempo de dares o galardão aos profetas, teus servos, e aos santos, e aos que temem o teu nome, a pequenos e a grandes, e o tempo de destruíres os que destroem a terra.
 E abriu-se no céu o templo de Deus, e a arca da sua aliança foi vista no seu templo; e houve relâmpagos, e vozes, e trovões, e terremotos e grande saraiva.” Apocalipse 11:15-19.

Em breve permitindo-nos o Senhor uma mensagem mais completa sobre o assunto. Abraços na Paz do Senhor.

quinta-feira, 24 de maio de 2012

O Homem Terra.

“Ó terra, terra, terra! Ouve a palavra do Senhor.” Jeremias 22:29.

O Homem.
“Aquele que vem de cima é sobre todos; aquele que vem da terra é da terra e fala da terra. Aquele que vem do céu é sobre todos. E aquilo que ele viu e ouviu isso testifica; e ninguém aceita o seu testemunho.” João 3;31-32.

O homem natural é TERRA e fala da terra;
O Senhor é do Céu e fala do Céu;
O Deus Todo Poderoso e Criador Bendito e Restaurador de todas as coisas é o OLEIRO e a sua Palavra é a ÁGUA DA VIDA.
Para a TERRA, ou seja, para o homem natural só há duas opções ou dois caminhos que são: Ser barro ou ser pisado e tornar-se pó.
O BARRO é a TERRA que é envolvida pela ÁGUA. O barro não tem forma em si mesmo e é ai que entra a ação do Maravilhoso OLEIRO. Não há como o Oleiro trabalhar sem a Água. Esse Santo e Maravilhoso OLEIRO é exigente e só trabalha a TERRA se esta receber com alegria a ÁGUA DA VIDA, que é a Sua Palavra, a Palavra do Espírito. E do BARRO, Ele o Maravilhoso Oleiro Jesus Cristo, o que faz nova todas as coisas, faz um lindo e precioso vaso para sua glória e louvor.
A TERRA na ausência da água fica seca e quando nesse estado é pisada torna-se PÓ (poeira). O PÓ, que é a terra na ausência total da água e é o alimento da Serpente que é o diabo e satanás. Gênesis 3.
Em Jesus Cristo e no calvário o OLEIRO CRIADOR mudou o curso da história e se fez Barro Homem, e nessa forma, em carne e em sangue, Ele restaura todas as coisas, recebendo em si mesmo a sentença que era contraria ao  homem TERRA, fazendo dos que pela fé bebem dessa ÀGUA uma nova criatura e novas todas as coisas.
A serpente, mestre na astucia, e no engano, sabendo que a única coisa que pode impedi-lo de destruir o HOMEM TERRA, é a ÁGUA DA VIDA que é a Palavra de Deus, tem trabalhado para tirar o homem da genuína Palavra de Deus a Fonte de Águas Vivas. A serpente tem apresentado a suas cisternas e poços da mistura e fermento da religião nominal e pro-forma e levado muitos e grandes e pequenos e servos e livres após si. Usando a mistura o acrescer e o diminuir o negar a autoridade da Palavra de Deus o diabo conseguiu tirar o homem do paraíso no Jardim do Éden e hoje sua estratégia permanece a mesma, pois continua incentivando os acréscimo e cortes e sobre tudo negando a autoridade das Escrituras a Bíblia para impedir que o homem retorne ao Paraíso.
 Barro nas mãos do Sumo Oleiro para ser feito vaso de honra ou terra sendo pisada e transformada em pó, para alimento do diabo? A escolha é pessoal e de caráter intransferível.
“O primeiro homem, da terra, é terreno; o segundo homem, o Senhor, é do céu. Qual o terreno, tais são também os terrestres; e, qual o celestial, tais também os celestiais. E, assim como trouxemos a imagem do terreno, assim traremos também a imagem do celestial. E agora digo isto, irmãos: que a carne e o sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herdar a incorrupção.” 1ª Corintios 15:48-50.

Lamento do profeta:
“Ah, entranhas minhas, entranhas minhas! Estou com dores no meu coração! O meu coração se agita em mim. Não posso me calar; porque tu, ó minha alma, ouviste o som da trombeta e o alarido da guerra. Destruição sobre destruição se apregoa; porque já toda a terra está destruída; de repente foram destruídas as minhas tendas, e as minhas cortinas num momento. Até quando verei a bandeira, e ouvirei a voz da trombeta?” Jeremias 4:19-21.

Oleiro trabalhando.
“Persuadiste-me, ó Senhor, e persuadido fiquei; mais forte foste do que eu, e prevaleceste; sirvo de escárnio todo o dia; cada um deles zomba de mim. Porque desde que falo, grito, clamo: Violência e destruição; porque se tornou a palavra do Senhor um opróbrio e ludíbrio todo o dia. Então disse eu: Não me lembrarei dele, e não falarei mais no seu nome; mas isso foi no meu coração como fogo ardente, encerrado nos meus ossos; e estou fatigado de sofrer, e não posso mais.” Jeremias 20:7-9.
Não posso me calar.

"Se hoje ouvirdes a sua voz não endureçais os vossos corações..."

terça-feira, 22 de maio de 2012

666 - A Marca dos que compram e dos que vendem.


O Microchip, a marca do 666. 
Apocalipse 13:16 e 17; 14:9 - 11; 15:2, 16:2; 19:20; 20:4.
Diante da maravilhosa clareza e objetividade dos sinais dos tempos, como se preparar e qual posição tomar naquele momento, na hora da prova, onde com toda certeza não será levado em conta à eloquência  os graus de teologia e o muito saber que é enfado da carne? O tempo urge. Há notícias de que em 2013, cidadãos norte americanos receberão o implante do Microchip, para fins de saúde. 
A bíblia é muito clara sobre o assunto.
Imagina o caus que será causado à bem educada sociedade consumista quando chegar a hora de não poder comprar e não poder vender sem a marca do 666.
Alguém me perguntou se o implante do Microchip será antes do arrebatamento da Igreja. Respondi que segundo as escrituras não há interesse da parte Senhor Jesus em provar mais ainda   aqueles que já estão rompendo e vencendo a forte, terrível e infernal apostasia evangélica de nossos dias e estão muito desejosos e clamando dia e noite... Maranata! “Ora vem Senhor Jesus!”. Estes com toda certeza não terão dificuldade em deixar bens materiais e tudo o mais para trás, porque na realidade já deixaram e agora correm para o alvo e o prêmio da soberana vocação em Cristo Jesus. E respondi também que quanto a estes especificamente se houver a necessidade de mais uma prova para recusar a marca 666 ou até mesmo de morrer em razão disso por amor ao Senhor... Aleluia. Oh glória, bendito é o Nome do Senhor.
Como militar fiquei conhecido pelos colegas por ensinar que as nossas reações em situações adversas já deviam fazer parte da vida como resultado de um treinamento intensivo, pois a pior coisa é decidir de improviso, sob pressão e de cabeça quente.
O que está por vir, virá e virá rápido como "o relâmpago que já saiu do oriente e já se mostrou no ocidente"
Como devemos estar hoje, agora?
A terrível afronta ao Eterno e
Fogo Consumidor.
Como cristãos nominais céticos e incrédulos e esperar para ver o que acontece, tipo na hora eu decido? O eu é uma desgraça e traça os caminhos para a morte.
Vencer na prova:
Vamos estar como crentes renascidos e com humildade e temor a Deus tomar uma posição firme e definida de não negar o único Senhor e Salvador no momento das duras provas que virão, para tentar os que habitam na terra?
Vencer na bonança:
Como crentes renascidos com humildade e temor a Deus tomar uma posição firme e definida de dizer não ao amor ao dinheiro e à corrupção desenfreada com as suas muitas facilidades e ofertas que podem vir nesse tempo?
“Quer morramos quer vivamos, somos do Senhor”. Romanos 14:8.

segunda-feira, 21 de maio de 2012

“Os doentes precisam de médico.”

“E os escribas e fariseus, vendo-o comer com os publicanos e pecadores, disseram aos seus discípulos: Por que come e bebe ele com os publicanos e pecadores? E Jesus, tendo ouvido isto, disse-lhes: Os sãos não necessitam de médico, mas, sim, os que estão doentes; eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores ao arrependimento.” Marcos 2:16-17.

As Obras da Lei (Romanos 3:20 e 28, Gálatas 2:16, 3:10)
Disse Jesus: “Os sãos não precisam de médico.”
Estas obras em sua maioria são virtuosas, porém enganosas e se transformam num sério obstáculo para a obra do Espírito. Como convencer do pecado onde o que se encontra é o “eu sou e eu não sou, eu faço e eu não faço, eu acho, eu, eu e eu”?
Aqui até se diz que o diabo não existe e se existe não pode agir ali, pois tudo está certinho como manda a lei.
Aqui reside a justiça própria resultado de exaustivo esforço meramente humano e com sacrifícios para cumprir ou tentar cumprir regras e mandamentos.
Aqui em razão do cumprimento das regras e ordenanças religiosas que levam à presunção de autojustificação na caminhada, há uma resistência terrível à ação do Espírito Santo e no final culmina com a separação eterna do Único Justo e Justificador do homem que é Jesus o Cristo de Deus.
Aqui há um grande espaço para a religião e é onde mora o fariseu e o escriba com o exterior bem polido com suas vestes chamativas na busca de aceitação e aprovação dos homens que só podem ver o exterior.
Aqui há lugar para as muitas alegrias e satisfações oriundas da auto-sugestão e da boa aceitação por parte dos moradores da terra em razão de feitos próprios e da vida social que geram aplausos.
Aqui há a aprovação dos homens, mas muitas das vezes já estão reprovados por Deus.

As Obras da Carne – (Gálatas 5:13-21).
Disse Jesus: “Os doentes precisam de médico.”
Estas obras são terrivelmente destrutivas com reflexos na vida social às vezes extinguindo-a e deixam seqüelas no físico, na alma vivente e no espírito.
Aqui não há lugar para a autoconfiança, não há lugar para a presunção; aqui a realidade é a realidade.
Aqui sem a máscara da religião o exterior desnudo deixa à vista a dura realidade do terrível sequestro ocorrido no Éden.
Aqui seus participantes sabem da crueldade do inimigo e sentem na própria pele e carne as dores infringidas por ele.
Aqui há muitas machucaduras e gemidos, dores e muitas lágrimas; Mas graças a Deus, como diz as escrituras é também onde se encontram os cansados e oprimidos, os sedentos e famintos.
Aqui é onde o Espírito da Graça encontra liberdade para atuar convencendo do pecado da justiça e do juízo.
Aqui é onde se encontravam outrora o Bartimeu, a Raabe, a mulher Samaritana, o Zaqueu, o Saulo e a maior parte dos membros do corpo de Cristo.

Os Frutos do Espírito – (Gálatas 5:22 e 23)
Disse Jesus “a tua fé te salvou, vai em paz e sê curada desse teu mal.”
Aqui é deserto, lugar de separação e onde tudo se faz novo. Aqui há água e pão com abundância, há azeite, bálsamo e o genuíno mel saído da Rocha.
Aqui está o resultado da Obra do Deus Eterno que foi consumada no Calvário, na vida daqueles que O receberam como Salvador Bendito, único e suficiente de suas almas.
Aqui não há lugar para o eu, pois todos tanto o grande como o pequeno já entenderam a Verdade imutável e cantam em coro e harmonia celestial que “Sem Ele nada se pode fazer”.
Aqui há total dependência dAquele que é o Autor e Consumador da fé, Jesus Cristo o Filho do Deus Bendito.
Aqui não há lugar para a grandeza e complicação humana, oriundas de corações egoístas e interesses meramente terrenos, mas sim há lugar para a humildade em tudo que se faz reconhecendo sabendo que “depois que fizermos tudo que nos foi mandado, ainda somos servos inúteis”.
Aqui tudo é feito por amor e por gratidão e com alegria.
Aqui está a benção da marca da promessa e é onde “não se compra e nem se vende”, em contraposição dos que “estarão comprando e vendendo” em razão de terem nas mãos e fronte a marca do chip 666.