Pesquisar este blog

sábado, 4 de outubro de 2014

Salvem Maria! Carta a Maria.

Identificando o Enganador e Anticristo. 

Mesmo contrariando o que pensam e dizem alguns teólogos, entendo que a 2ª Carta de João é dirigida a Maria mãe de Jesus o Cristo de Deus.
A Bíblia Sagrada.
O Apóstolo é objetivo ao expressar se dirigindo “à senhora eleita e aos seus filhos”. Disse ainda que ele e todos os que tinham conhecido a verdade os amava na verdade e por amor à verdade que para sempre estaria com eles. O emprego da palavra verdade, vindo de João o discípulo amado, lembra-nos claramente a identidade do Filho de Deus em João 14:6. “Eu sou a verdade... ninguém vem ao Pai, senão por mim”.
A saudação à senhora eleita que apresentamos como Maria e a seus filhos é cheia de graça, misericórdia e paz no amor e na verdade; É da parte de Deus Pai e do Senhor Jesus Cristo o Filho do Pai.
O Apóstolo expressa sua alegria por “achar que alguns dos filhos da senhora eleita andavam na verdade”. (não todos)
O Apóstolo relembra o mandamento do amor fraternal no Senhor, como que se a senhora eleita já tivesse dado a entender que o havia esquecido.
Afirma ainda que o verdadeiro amor é andar segundo os mandamentos do Senhor porque já eram chegados os enganadores e o anticristo. Aqui a carta toma um sentido mais profundo quando o Apóstolo João fala da chegada do enganador e do anticristo e os caracterizando como aqueles que não confessam que Jesus Cristo veio em carne e em sangue.
Esse versículo deixa claro que a condição básica da fé que salva para vida eterna é crer e confessar que Jesus Cristo, o Filho e Verbo de Deus, veio em carne e em sangue se fazendo homem ao nascer de Maria; E não o terrível erro de elevar Maria a senhora eleita à condição de Deus.
Sabemos que somente Deus pode ouvir e atender a todas as pessoas ao mesmo tempo, face à Sua Onipresença, Sua Onisciência e Sua Onipotência.  Assim sendo e assim crendo para salvação eterna, como fazer orações a qualquer outro ser ou pessoa seja ela quem for ou no caso fazer orações a Maria sem estar elevando-a à condição de Deus? Sem estar sendo movido pelo espírito de engano e anticristo?
“Se alguém vem ter convosco, e não traz esta doutrina, não o recebais em casa, nem tampouco o saudeis. Porque quem o saúda tem parte nas suas más obras.”
Elevar Maria mãe de Jesus à condição de mãe de Deus e mediadora, (podendo ouvir e atender a todos ao mesmo tempo), é o mesmo que eleva-la à condição de Deus e é, na essência, negar que Jesus Cristo o Filho de Deus se fez carne, que veio em carne e em sangue, é ser Anticristo.

.....

Carta a Maria - 2ª Epístola do Apóstolo João

O ANCIÃO à senhora eleita, e a seus filhos, aos quais amo na verdade, e não somente eu, mas também todos os que têm conhecido a verdade,
Por amor da verdade que está em nós, e para sempre estará conosco:
Graça, misericórdia e paz, da parte de Deus Pai e da do Senhor Jesus Cristo, o Filho do Pai, seja convosco na verdade e amor.
Muito me alegro por achar que alguns de teus filhos andam na verdade, assim como temos recebido o mandamento do Pai.
E agora, senhora, rogo-te, não como escrevendo-te um novo mandamento, mas aquele mesmo que desde o princípio tivemos: que nos amemos uns aos outros.
E o amor é este: que andemos segundo os seus mandamentos. Este é o mandamento, como já desde o princípio ouvistes, que andeis nele.
Porque já muitos enganadores entraram no mundo, os quais não confessam que Jesus Cristo veio em carne. Este tal é o enganador e o anticristo.
Olhai por vós mesmos, para que não percamos o que temos ganho, antes recebamos o inteiro galardão.
Todo aquele que prevarica, e não persevera na doutrina de Cristo, não tem a Deus. Quem persevera na doutrina de Cristo, esse tem tanto ao Pai como ao Filho.
10  Se alguém vem ter convosco, e não traz esta doutrina, não o recebais em casa, nem tampouco o saudeis.
11  Porque quem o saúda tem parte nas suas más obras.
12  Tendo muito que escrever-vos, não quis fazê-lo com papel e tinta; mas espero ir ter convosco e falar de boca a boca, para que o nosso gozo seja cumprido.


13  Saúdam-te os filhos de tua irmã, a eleita. Amém.

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

O Grande Perigo - Igreja e Politica.

A linda flor de mostarda.
Com a grande mistura entre seguimentos religiosos e políticos o resultado não poderia ser diferente. O prejuízo para as pobres e cansadas almas tem sido grande. Certamente os lideres responderão diante daquele que veio BUSCAR e SALVAR o que se havia perdido. ( Lucas 19:10)
O alvo e objetivo da Igreja do Senhor Jesus Cristo o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, que é a sua glória eterna como resultado do novo nascimento tem sido esquecido por muitos.
Lideranças evangélicas entraram na briga e na disputa pelo poder terreno, e a ocupação do "trono de Cesar", levando assim as ovelhas à matança.


A triste realidade da igreja apostata (Triste para o Céu e para a Terra) é que o "sal do mundo", perdeu o sabor e prepara-se para ser pisado pelos homens.
A terrível e triste realidade é que multidões "como ovelhas que não tem pastor estão sendo levadas a esperar um pastor presidente politico" e assim caem no mesmo erro dos sacerdotes judeus que entregaram a Verdade para a morte e escolheram viver e ter a Cesar como rei.
O mesmo erro da igreja Católica sob a égide do clero que desde sua origem esteve no controle da politica mundial, produziu uma sociedade escrava da mentira, do erro, dos vícios, da maldade e da imoralidade.

A busca de governantes que sejam ao mesmo tempo politico e pastor é a base para a maior desgraça da humanidade e levará no final, o levantar do homem vil, homem do pecado e filho da perdição.

Seguimentos religiosos antes incompatíveis em razão das Escrituras Sagradas estão se unido pela politica contra grupos de pecadores em aberta acepção de pessoas. (Para Deus não ha diferença entre, mentiroso, idolatra, feiticeiro, avarento, hipócrita. Não existe um inferno separado para cada grupo de pecadores; O inferno é um só para todos que não receberam a graça de Deus em Cristo Jesus o Senhor).
É a errônea e utópica visão para a sociedade perfeita, todavia sem o Cordeiro de Deus que faz novas todas as coisas e que afirmou não ter vindo a este mundo para colocar remendo novo em roupa velha.

Jesus Cristo esta voltando e a sua igreja será arrebatada para o encontro com Ele nas nuvens dos céus. "Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra. Eis que venho sem demora... Guarda o que tens para que ninguém tome a tua corroa". Apocalipse 3:10-11.


quinta-feira, 2 de outubro de 2014

"MEU REINO NÃO É DESTE MUNDO" João 18:36

"Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medula, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração." Hebreus 4:12

"MEU REINO NÃO É DESTE MUNDO" João 18:36.
Despertou-me o Senhor, para meditar e escrever sobre tal assunto em face de sua aplicação literal e real para os dias em que estamos vivendo. É notório que no campo da religião e igrejas, tem havido uma busca por grandeza e aparência com as suas Catedrais católicas e evangélicas, Templos Maiores, Cidades Santas até se julgando ser a substituta de Jerusalém a capital de Israel e cidade do Grande Rei.
Voluntária ou involuntariamente os líderes religiosos não tem se despertado para o perigo de estarem agindo da mesma maneira que os contemporâneos do Senhor Jesus, que esperavam um reino terreno e de aparência e grandeza exterior, tanto no material como na falsa piedade e religiosidade.
Foram duramente repreendidos pelo Senhor e até chamados de hipócritas e de sepulcros caiados. E ali o Senhor deixou claro que o reino de Deus está dentro daquele, e/ou entre aqueles que crerem nEle. Lucas 17:20-21.
Por causa de seu reino, Jesus foi abandonado por muitos e até trocado por trinta moedas de prata, no momento que Ele deixou claro que o seu reino não era e nem é desse mundo.

Uma visão Espiritual do Reino de Deus.
Graças a Deus que enquanto os Judas o abandonaram, os miseráveis pecadores na semelhança do conhecido "bom ladrão", com uma visão espiritual, viram nEle moribundo lá no calvário o Rei da Glória e apelou para Ele e foi salvo instantaneamente, pela sua maravilhosa graça. Aleluia.
Certa ocasião o mestre teve que sair rapidamente de um lugar pois queriam fazê-lo rei, por haver multiplicado pães. Imaginem. Um rei que tivesse o poder para multiplicação de alimentos e fazer outros sinais e maravilhas? Logo depois o Senhor diz: "Jesus respondeu-lhes, e disse: Na verdade, na verdade vos digo que me buscais, não pelos sinais que vistes, mas porque comestes do pão e vos saciastes. Trabalhai, não pela comida que perece, mas pela comida que permanece para a vida eterna, a qual o Filho do homem vos dará; porque a este o Pai, Deus, o selou." João 6:26-27.

Discípulos de Judas Iscariotes?
O podre Judas Iscariotes, como tesoureiro dos apóstolos, quando Jesus falou que ia subir a Jerusalém para morrer, viu frustrada a sua possibilidade de ser promovido em um reino terreno do Messias, quem sabe para ser o ministro da fazenda? O que não o interessava.
A Seca no Brasil.
"Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma?" Mateus 16:26
O que é que você tem buscado? O reino de Deus ou o dos homens? O dos homens passa, mas o de Deus permanece para sempre.

Em Isaías 47:7 em diante, vemos sobre a arrogância da Babilônia, uma figura para a Babel dos tempos atuais. "E disseste: Eu serei senhora para sempre; até agora não te importaste com estas coisas, nem te lembraste do fim delas. Agora, pois, ouve isto, tu que és dada a prazeres, que habitas tão segura, que dizes no teu coração: Eu o sou, e fora de mim não há outra; não ficarei viúva, nem conhecerei a perda de filhos.... Porque confiaste na tua maldade e disseste: Ninguém me pode ver; a tua sabedoria e o teu conhecimento, isso te fez desviar, e disseste no teu coração: Eu sou, e fora de mim não há outra...."
Olha ela novamente aí no Apocalipse. Vai cair, vai ser destruída.
"Quanto ela se glorificou, e em delícias esteve, foi-lhe outro tanto de tormento e pranto; porque diz em seu coração: Estou assentada como rainha, e não sou viúva, e não verei o pranto." Apocalipse 18:7

"Graças pelos pequeninos... Manso e humilde ... descanso para a alma." Mateus 11:25-30

domingo, 28 de setembro de 2014

Hoje é o Sábado.

Sem delongas, e com a objetividade necessária, o que é típico das Escrituras Sagradas, vamos considerar o sábado á luz do Espírito da Palavra.



1- O Sétimo Dia da Criação (Descanso de Deus) aponta como figura para o Dia do Senhor, ou Milênio do SENHOR. O Apostolo Pedro escreveu pelo Espirito da Profecia que um dia para o Senhor é como mil anos e mil anos como um dia. "Mas, amados, não ignoreis uma coisa, que um dia para o Senhor é como mil anos, e mil anos como um dia." 2 Pedro 3:8



"Ele prendeu o dragão, a antiga serpente, que é o Diabo e Satanás, e amarrou-o por mil anos. E lançou-o no abismo, e ali o encerrou, e pôs selo sobre ele, para que não mais engane as nações, até que os mil anos se acabem. E depois importa que seja solto por um pouco de tempo." Apocalipse 20:2-3


2 - O Sétimo Dia da Lei (Descanso do homem - Memória da Criação) está para a Igreja do Senhor Jesus Cristo como figura do Descanso proporcionado por Ele. Observe que o Descanso proporcionado por Jesus o Cristo e Filho Bendito de Deus as suas ovelhas é para "todos os dias até a consumação dos séculos". Mateus 28.
As obras do Senhor são perfeitas.

3 - A Lei foi toda cumprida em Jesus o Filho do Homem. João o Batista e o maior dos nascidos de mulher deu por encerrada a Lei uma vez que anunciou o Cordeiro e (Messias de Israel) que trouxe o verdadeiro descanso para o seu povo. 
Hoje no tempo presente o Descanso para a Sua Igreja e amanhã, muito em breve, em nossos dias, dias de Elias, trará e será o Descanso para Seu Querido Israel.

4 - A Controvérsia dos líderes das Igrejas dos gentios.
a) Uns dizem que é para guardar o sábado (dia da semana) relacionado-o ao Sábado da Lei,
b) Uns dizem que é para guardar o Domingo (dia da semana), relacionando-o ao dia da ressurreição do Senhor Jesus, ou sua ascensão ao Céu, ou o arrebatamento de João no Apocalipse no "Dia do Senhor".

"E, NO fim do sábado, quando já despontava o primeiro dia da semana, Maria Madalena e a outra Maria foram ver o sepulcro." Mateus 28:1.

"E Jesus, tendo ressuscitado na manhã do primeiro dia da semana, apareceu primeiramente a Maria Madalena, da qual tinha expulsado sete demônios." Marcos 16:9

"Chegada, pois, a tarde daquele dia, o primeiro da semana, e cerradas as portas onde os discípulos, com medo dos judeus, se tinham ajuntado, chegou Jesus, e pôs-se no meio, e disse-lhes: Paz seja convosco." João 20:19

"E no primeiro dia da semana, ajuntando-se os discípulos para partir o pão, Paulo, que havia de partir no dia seguinte, falava com eles; e prolongou a prática até à meia-noite." Atos 20:7

"No primeiro dia da semana cada um de vós ponha de parte o que puder ajuntar, conforme a sua prosperidade, para que não se façam as coletas quando eu chegar." 1 Coríntios 16:2

"Eu fui arrebatado no Espírito no dia do Senhor, e ouvi detrás de mim uma grande voz, como de trombeta," Apocalipse 1:10

À luz da Palavra do Espírito, tanto guardar o dia de sábado ou o guardar o dia de domingo, impede os fieis de receber o verdadeiro descanso oriundo da obra consumada no calvário pelo Filho de Deus Jesus Cristo. E isto é na essência negar a Jesus, ou tornar ineficiente e nulo o seu sacrifício no calvário.
Por isso Paulo alerta e lamenta em Gálatas 4:10-11 "Guardais dias, e meses, e tempos, e anos. Receio de vós, que não haja trabalhado em vão para convosco."

5 - A Verdade Revelada e Escrita sobre Jesus Cristo e o Sábado.
"Jesus é o Senhor até do sábado".
No Gólgota, o Senhor Jesus dá uma dica sobre sua identidade ao responder ao malfeitor que estava à sua direita: "Hoje mesmo estarás comigo no Paraíso!" Aqui vemos a realidade do Hoje Eterno, que é O Sábado e o Dia Perfeito que era, que é e que está por vir.
Por isso, nem sábado nem domingo, mas Todos os Dias (Domingo, Segunda, Terça, Quarta, Quinta, Sexta e Sábado), sim, "todos os dias durante o tempo que se chama HOJE, que se chama Jesus - Descanso, vivamos na graça por aquele que já nos livrou da maldição da Lei".

6 - Questão de Gramática -
Observe os destaques no texto abaixo, onde a palavra hoje, sai da condição gramatical de adverbio de tempo e passa á condição de substantivo próprio (nome).
"Vede, irmãos, que nunca haja em qualquer de vós um coração mau e infiel, para se apartar do Deus vivo. Antes, exortai-vos uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama Hoje, para que nenhum de vós se endureça pelo engano do pecado; Porque nos tornamos participantes de Cristo, se retivermos firmemente o princípio da nossa confiança até ao fim. Enquanto se diz: Hoje, se ouvirdes a sua voz, Não endureçais os vossos corações, como na provocação." Hebreus 3:12-15

Observe que a palavra hoje, aparece com inicial maiúscula no meio de uma frase e entre duas vírgulas, sugerindo estar como substantivo próprio.
"Determina outra vez um certo dia, Hoje, dizendo por Davi, muito tempo depois, como está dito: Hoje, se ouvirdes a sua voz, Não endureçais os vossos corações." Hebreus 4:7

Link: http://eltimafonso.blogspot.com.br/2013/12/hoje-e-pascoa-aleluia.html

A Justificação no Calvário

Em Lucas 7:40-43, lemos: "E respondendo, Jesus disse-lhe: Simão, uma coisa tenho a dizer-te. E ele disse: Dize-a, Mestre. Um certo credor tinha dois devedores: um devia-lhe quinhentos dinheiros, e outro cinquenta. E, não tendo eles com que pagar, perdoou-lhes a ambos. Dize, pois, qual deles o amará mais? E Simão, respondendo, disse: Tenho para mim que é aquele a quem mais perdoou. E ele lhe disse: Julgaste bem."

O Senhor Jesus demonstrou a condição miserável dos seres humanos. Todos são devedores: uns devem menos; outros, mais. Todos são fracassados, falidos. Não tem com que pagar. O homem fracassado como é, não pode se exaltar sob nenhum pretexto, porque não tem condição de justificar-se perante Deus, pelo que realiza, ainda que com boas obras. O Senhor diz que, depois que fizermos tudo, devemos nos considerar servos inúteis. Somos salvos pelas infinitas misericórdias de Deus em Cristo Jesus, o Senhor, a quem devemos tributar toda honra e toda glória.

Jó 9:20 – “Ainda que eu fosse justo, a minha própria boca me condenaria; ainda que eu fosse perfeito, então ela me declararia culpado.”

Concluímos que não há, no homem, mérito que o justifique diante de Deus. Seria confiar na ação de um morto. As obras não levam os homens à salvação, mas os acompanham ao Salvador.

Apocalipse 14:13 - “Então ouvi uma voz do céu, que dizia: Escreve: Bem-aventurados os mortos que desde agora morrem no Senhor. Sim, diz o Espírito, para que descansem dos seus trabalhos, pois as suas obras os acompanham.”

Efésios 2:1-9 - “Ele vos vivificou, estando vós mortos nos vossos delitos e pecados, nos quais outrora andastes, segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos de desobediência, entre os quais todos nós também antes andávamos nos desejos da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos por natureza filhos da ira, como também os demais.
Mas Deus, sendo rico em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou, estando nós ainda mortos em nossos delitos, nos vivificou juntamente com Cristo {pela graça sois salvos}, e nos ressuscitou juntamente com ele, e com ele nos fez sentar nas regiões celestes em Cristo Jesus, para mostrar nos séculos vindouros a suprema riqueza da sua graça, pela sua bondade para conosco em Cristo Jesus. Porque pela graça sois salvos, por meio da fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus; não vem das obras, para que ninguém se glorie.”

Portanto não há dúvida: a reabilitação diante de Deus só obtém pela fé no sacrifício de Jesus Cristo. Não existe outra opção.

Tito 2:13-14 – “aguardando a bem-aventurada esperança e o aparecimento da glória do nosso grande Deus e Salvador Cristo Jesus, que se deu a si mesmo por nós para nos remir de toda a iniquidade, e purificar para si um povo todo seu, zeloso de boas obras.” 

DISCERNINDO: As obras não são a causa, mas os resultados da justificação. A fé que salva o crente, não está só.

1 Coríntios 1:28-31- “e Deus escolheu as coisas ignóbeis do mundo, e as desprezadas, e as que não são, para reduzir a nada as que são; para que nenhum mortal se glorie na presença de Deus. Mas vós sois dele, em Cristo Jesus, o qual para nós foi feito por Deus sabedoria, e justiça, e santificação, e redenção; para que, como está escrito: Aquele que se gloria, glorie-se no Senhor.”


Extraído do Livro “Mensagens Reveladas – Assim Deus tem falado”.