Pesquisar este blog

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

O Dia Glorioso para Israel

"Vede as minhas mãos e os meus pés, que sou eu mesmo; apalpai-me e vede, pois um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho." Lucas 24:39.
"Os Céus manifestam a glória de Deus..." Salmos 24

O Dia de Jesus Cristo o Senhor.
Jesus Cristo, Rei dos reis e Senhor dos senhores.
São as Escrituras Sagradas que fala do Dia de Jesus Cristo que esta perto para a Sua Igreja e para Israel, a herança do Senhor.
O Dia de Jesus Cristo será um dia de glória indizível para a Sua  Igreja.
O Dia de Jesus Cristo, será dia de choro, dia clamor e suplicas e, por Fim, Dia de glória para Israel.

Aquele que foi traspassado por nós -

"Pois me rodearam cães; o ajuntamento de malfeitores me cercou, traspassaram-me as mãos e os pés." Salmos 22:16.

"Mas sobre a casa de Davi, e sobre os habitantes de Jerusalém, derramarei o Espírito de graça e de súplicas; e olharão para mim, a quem traspassaram; e pranteá-lo-ão sobre ele, como quem pranteia pelo filho unigênito; e chorarão amargamente por ele, como se chora amargamente pelo primogênito." Zacarias 12:10.

"REVELAÇÃO de Jesus Cristo, a qual Deus lhe deu, para mostrar aos seus servos as coisas que brevemente devem acontecer; e pelo seu anjo as enviou, e as notificou a João seu servo; O qual testificou da palavra de Deus, e do testemunho de Jesus Cristo, e de tudo o que tem visto.
Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.
João, às sete igrejas que estão na Ásia: Graça e paz seja convosco da parte daquele que é, e que era, e que há de vir, e da dos sete espíritos que estão diante do seu trono; E da parte de Jesus Cristo, que é a fiel testemunha, o primogênito dentre os mortos e o príncipe dos reis da terra. Àquele que nos amou, e em seu sangue nos lavou dos nossos pecados, e nos fez reis e sacerdotes para Deus e seu Pai; a ele glória e poder para todo o sempre. Amém.
Eis que vem com as nuvens, e todo o olho o verá, até os mesmos que o traspassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Sim. Amém. Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim, diz o Senhor, que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso." Apocalipse 1:1-7.

O doce convite do Espírito Eterno -

"A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação. Porque a Escritura diz: Todo aquele que nele crer não será confundido." Romanos 10:9-11.

Links:

O Impedimento Legal do Anticristo

O Impedimento Legal -

A Igreja do Senhor será arrebatada para dar o lugar para o Iníquo [Fusão de satanás - homem - (Daniel 2:43)] que enganará com a Operação do Erro os que não tiveram amor à verdade para se salvarem. Os que tiveram amor à Verdade, já estarão com a Verdade nas nuvens para sempre.

"É manhã em Jerusalém..."
Precisamos entender e aceitar que o que impede ao Homem do Pecado de assumir o seu domínio na terra é a presença da Igreja - Espirito Santo, o Espírito - a Esposa, na terra. (leia Apocalipse 22)

As Bodas do Cordeiro tem a duração de Sete anos; A Grande Tribulação tem a duração de Sete anos; A Última Semana de Daniel tem a duração de Sete anos; Por isso, o fim do Tempo dos Gentios ou Tempo da Graça e o inicio do Governo do Anticristo, e Grande Tribulação e Última Semana para Israel, só pode acontecer após o Arrebatamento da Igreja que está mais perto do que possamos imaginar.

Septuagésima Semana -

Ninguém é dono da verdade, mas Jesus Cristo, a Palavra de Deus é a Verdade. E são as Escrituras no Espírito da Profecia que separou uma Semana para Israel no final dos tempos.

E essa semana equivalem a Sete anos, conforme a linguagem usada em Levítico 25:8 e apresentada na profecia por Daniel 9. Nessa Semana só há lugar para Israel e ao final da semana que será a septuagésima, Israel reconhecerá a Jesus Cristo, como o Messias e o Todo Poderoso Deus de Abraão, Deus de Isaque e Deus de Israel.

Por que? Para que tantas armas?
Profeticamente falando o Israel de hoje, que é Jacó, no encontro com o Rei da Glória no Jaboque do Armagedon e ali, na Manhã Daquele Dia, nascerá o Israel de Deus.

A Bíblia ensina que o sacrifício contínuo (Orações, Invocações a Deus) cessarão na metade da semana, onde o Iníquo que já enganou por três anos e meio, se levantará e mostrará a sua verdadeira face e assim  aqueles  judeus ou gentios que continuaram clamando a Deus após o arrebatamento da igreja serão perseguidos e mortos. Tendo aí o tempo da aflição de Jacó, a Grande Tribulação, Armagedon.

O Livro da Vida e os que venceram pela fé -

O Senhor faz menção do Livro da Vida, já no livro de Êxodo 32:32-33.

Observe o texto:  "Agora, pois, perdoa o seu pecado, se não, risca-me, peço-te, do teu livro, que tens escrito. Então disse o Senhor a Moisés: Aquele que pecar contra mim, a este riscarei do meu livro."

Os fieis que viveram no passado foram justificados pela fé e, pela fé tiveram seus nomes escrito no Livro da Vida, Livro de Deus. Não alcançaram imediatamente a promessa (não foram aperfeiçoados ainda) em razão da igreja, conforme lemos em Hebreus 11.

Com certeza, na morte expiatória do Cordeiro de Deus, foram transferidos do "Seio de Abraão" para o Paraíso. Com o ladrão da direita foi diferente, tão logo morreu fisicamente, já estava no Paraíso, com Aquele que se chama Hoje (Hebreus 3:13) e é de eternidade a eternidade.

Ninguém foi justificado a não ser pela fé e ninguém tem o nome no Livro da Vida, senão pela fé. Os que são da fé, e partiram tendo seus nomes no Livro da Vida, já estão no Paraíso.

 A diferença entre Céu e Paraíso -

Observe que não citamos Céu e sim Paraíso, pois conforme está escrito, ninguém subiu ao Céu, senão o Filho do Homem que está no Céu a direita do Pai e intercede por nós.

A Ele toda honra toda glória e todo louvor e a nós, feitos participantes de Sua Glória por graça e por misericórdia, muita alegria e gozo no Espírito Santo, o Espírito de Jesus Cristo.

quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

FELIZ ANO 2015

A todos os amigos leitores e participantes do PALAVRA DA VIDA,  um feliz e abençoado Ano Novo.


Muito em breve a Igreja do Senhor Jesus Cristo, o bendito Filho de Deus,  será arrebatada para o Céu; Estejas preparado, andando humildemente com Ele o Único, Todo Poderoso e Maravilhoso Salvador que veio em carne e em sangue trazendo a Luz da Vida.

Orando e orando sempre ao Pai Celestial em o nome de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, pois está escrito: "A minha casa será chamada Casa de Oração para todos os povos".

 "NEle, por Ele e para Ele". Romanos 11.

Elias

quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

O Reino de Deus, o Deus Vivo

"Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medula, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração." Hebreus 4:12

"MEU REINO NÃO É DESTE MUNDO" João 18:36

Uma pequena flor.
Despertou-me o senhor, para meditar e escrever sobre tal assunto face a sua aplicação literal e real para os dias em que estamos vivendo. É notório que no campo da religião e igrejas, tem havido uma busca muito grande por grandeza e aparência (Catedrais católicas e evangélicas,Templo Maior, etc).


Voluntária ou involuntariamente os líderes religiosos não tem se despertado para o perigo de estarem agindo da mesma maneira que os contemporâneos do Senhor Jesus, que esperavam um reino terreno e de aparência e grandeza exterior, tanto no material como na falsa piedade e religiosidade.

Foram duramente repreendidos pelo Senhor e até chamados de hipócritas e de sepulcros caiados. E ali o Senhor deixou claro que o reino de Deus está dentro daquele, e ou entre aqueles que crerem nEle. (Leia Lucas 17:20-21)

Por causa de seu reino, que não é deste mundo, Jesus foi abandonado por muitos e até trocado por trinta moedas de prata, no momento que Ele deixou claro que o seu reino não era e nem é desse mundo.

Graças a Deus que enquanto os Judas o abandonaram, os miseráveis e "bom ladrão", com uma visão espiritual, viram nEle moribundo, lá no calvário, o Rei da Glória e apelou para Ele e foi salvo instantaneamente, pela sua maravilhosa graça. Aleluia.

Certa ocasião o mestre teve que sair rapidamente de um lugar pois queriam fazê-lo rei, por haver multiplicado pães. Imaginem. Um rei que tivesse o poder para multiplicação de alimentos e fazer outros sinais e maravilhas? Logo depois o Senhor diz: "Jesus respondeu-lhes, e disse: Na verdade, na verdade vos digo que me buscais, não pelos sinais que vistes, mas porque comestes do pão e vos fartastes. Jesus respondeu-lhes, e disse: Na verdade, na verdade vos digo que me buscais, não pelos sinais que vistes, mas porque comestes do pão e vos fartastes. Trabalhai, não pela comida que perece, mas pela comida que permanece para a vida eterna, a qual o Filho do homem vos dará; porque a este o Pai, Deus, o selou." João 6:26-27.

O podre Judas Iscariotes, como tesoureiro dos apóstolos, quando Jesus falou que ia subir a Jerusalém para morrer, viu frustrada a sua possibilidade de ser promovido em um reino terreno do Messias, quem sabe para ser o ministro da fazenda? O que não o interessava.
"Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma?" Mateus 16:26

O que é que você tem buscado? O reino de Deus ou o dos homens? O dos homens passam, mas o de Deus permanece para sempre.

Em Isaías 47:7 em diante, vemos sobre a arrogância da Babilônia, uma figura para a Babel dos tempos atuais. "E disseste: Eu serei senhora para sempre; até agora não te importaste com estas coisas, nem te lembraste do fim delas. Agora, pois, ouve isto, tu que és dada a prazeres, que habitas tão segura, que dizes no teu coração: Eu o sou, e fora de mim não há outra; não ficarei viúva, nem conhecerei a perda de filhos.... Porque confiaste na tua maldade e disseste: Ninguém me pode ver; a tua sabedoria e o teu conhecimento, isso te fez desviar, e disseste no teu coração: Eu sou, e fora de mim não há outra...."

Olha ela novamente aí no Apocalipse. Vai cair, vai ser destruída.
"Quanto ela se glorificou, e em delícias esteve, foi-lhe outro tanto de tormento e pranto; porque diz em seu coração: Estou assentada como rainha, e não sou viúva, e não verei o pranto." Apocalipse 18:7

"Graças pelos pequeninos... Manso e humilde ... descanso para a alma." Mateus 11:25-30

No amor de Jesus para salvação eterna.

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

O Pastor e o Natal

"E, vendo as multidões, teve grande compaixão delas, porque andavam cansadas e desgarradas, como ovelhas que não têm pastor."
Mateus 9:36.

Pastor - Pessoa que guarda, guia e apascenta o gado.

O pastor tem a missão de apascentar as ovelhas.

O Trigo - O Rei dos Cereais.
Apascentar é conduzir mansamente as ovelhas aos pastos verdes, aos mananciais de águas tranquilas, refrigerar as suas almas e guia-las pelas veredas da justiça, como vemos no Salmo 23; Tudo na luz da Palavra de Deus. (Salmos 119:105).

Jamais o Filho Jesus Cristo, que é o Sumo, Único, Bom e Grande Pastor de Ovelhas conduziria as suas ovelhas a pastagens envenenadas.

E aqueles pastores que são guiados pelo Espírito Santo, o Espírito de Jesus Cristo (Filipenses 1:19) e que "dizem estar em Jesus Cristo também devem andar como Ele andou". (1 João 2:6).

A realidade das multidões conduzidas por "grandes" lideres religiosos é que estão cansadas, desgarradas, aflitas, oprimidas e sobrecarregadas, por lhes faltar o alimento genuíno que é a Palavra de Deus. (Fome e sede - Amós 8:11).

Esse alimento genuíno está na Bíblia (Mateus 22:29; Marcos 12:24, João 5:39); E é negado as ovelhas pelos falsos pastores e mestres, para que elas não tenham seus olhos abertos e se tornem livres das três maldições que assolam a terra. (Lucas 24:13-33)

As três maldições -

São três as maldições que assolam a terra.
Há duas que são mais antigas e, creio, deram origem à terceira e última maldição.

Escapando o homem  dessas três maldições cujos nomes terminam em "IA", será ele, bendito do SENHOR Deus Todo Poderoso que se fez nosso Salvador em Cristo Jesus o Cordeiro, que nos comprou no calvário com alto preço de sangue.

O Bom Pastor Jesus Cristo, deu e dá a sua vida pelas suas ovelhas e é Ele que demanda as suas ovelhas, pois as ovelhas são dEle; E Ele vai julgar os falsos e malditos pastores que por interesses mesquinhos negaram às ovelhas o alimento verdadeiro  de João 8:32 e 36, e as mantiveram debaixo do engano, conduzindo-as a pastos envenenados e fermentados da Grande Babilônia.

O Natal -

Nesse tempo das festas de natal, onde as cansadas ovelhas que gemem querendo algo novo para o ano seguinte e são bombardeadas pelo consumismo, ainda sofrem sérios prejuízos para suas almas com o fermento da Grande Meretriz e mãe de todas as prostituições da terra.


Achei muito interessante a expressão de uma mensagem que li nesses dias sobre o natal:
"10 motivos para não comemorar o natal"
10- A festa de natal traz em seu bojo um clima de angústia e tristeza, o que muitos dizem ser saudades de Jesus, mas na verdade é um espírito de opressão que está camuflado, escondido atrás da tradição romana que se infiltrou na igreja evangélica, e que precisamos expulsar em nome de Jesus.)


"Saí do meio dela, ó povo meu, e livrai cada um a sua alma do ardor da ira do Senhor." Jeremias 51:45.

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Onde está o Rei dos Judeus?

Onde está aquele que é nascido Rei dos Judeus?


“E, TENDO nascido Jesus em Belém de Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que uns magos vieram do oriente a Jerusalém, dizendo: Onde está aquele que é nascido rei dos judeus? porque vimos a sua estrela no oriente, e viemos a adorá-lo.” Mateus 2:1-2.

Essa pergunta feita pelos três sábios do oriente a dois mil anos atrás tem hoje um significado profundo para toda a humanidade principalmente para Israel que aguarda o Reino de Deus e no particular para a Igreja do Senhor sobre a qual as portas do inferno não prevalecerão.

A Terra de Israel.
 Israel que tem e aguarda na promessa do Messias e que hoje vive sob as terríveis ameaças de aniquilação e destruição; em pranto e lamentos clamam e gemem: “onde está o Messias de Israel e Nosso Rei?”

Parecendo abandonados pelo Seu Todo Poderoso Deus, e sendo considerado por muitos como um tumor cancerígeno que precisa ser desarraigado da terra para o bem da Nova Ordem Mundial; Israel, que até hoje apenas se defendeu, luta para sobreviver ou morrer com dignidade.
(MAS ESTE NÃO É O PENSAMENTO DO SENHOR DEUS TODO PODEROSO QUE CRIOU ISRAEL E É O GUARDA DE ISRAEL)Porque assim diz o Senhor: “Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais.” Jeremias 29:11.

O cerco se fecha sobre Israel e as forças se acabam. Para os amigos e aliados vem a questão: Será que compensa estar ao lado de Israel? E se os seus inimigos tiverem razão? (Leia Zacarias 12 a 14)

A linda e reveladora história de José, filho de Jacó...

“Eu sou Jesus a quem tu persegues e duro é para ti o Israel recalcitrar contra os teus aguilhões”. Atos 9:4-5.

Está chegando a hora. Bendita e maravilhosa hora da restauração de Israel. “Abraão viu o Meu Dia e se alegrou...”. João 8:56-59.

No seu humilde nascimento o Messias de Israel foi visitado por pastores e sábios. Perseguido por Herodes, foge e é recebido e acolhido no Egito. Com a morte de Herodes, retorna para os seus e para sua terra e como humilde carpinteiro é perseguido pelos seus irmãos e por inveja é morto pela religião fermentada da hipocrisia onde se “coava um mosquito, mas se engolia um camelo”. Mateus 23:24.

Todavia, louvado seja o Senhor Todo Poderoso e Deus de Israel, pois a história se repete literalmente à semelhança da história de José, filho de Jacó, filho de Israel, de Isaque e de Abraão.

Por inveja José foi ferido, dado por morto e vendido por seus irmãos, que mentiram para Israel, para Jacó; mentiram para Abraão. Mentiram e trouxeram tristeza para o coração daquele que possuía a promessa, dizendo que José estava morto.
“Então tomaram a túnica de José, e mataram um cabrito, e tingiram a túnica no sangue. E enviaram a túnica de várias cores, mandando levá-la a seu pai, e disseram: Temos achado esta túnica; conhece agora se esta será ou não a túnica de teu filho. E conheceu-a, e disse: É a túnica de meu filho; uma fera o comeu; certamente José foi despedaçado. Então Jacó rasgou as suas vestes, pôs saco sobre os seus lombos e lamentou a seu filho muitos dias.” Gênesis 37:31-34.

Mas aquele humilhado José foi recebido e aclamado no Egito e entre as nações de então, como provedor e salvador do mundo. E no tempo da adversidade, aflição e fome de Jacó, veio as boas novas de que no Egito havia pão com abundância. E o socorro para a Casa de Israel veio através daquele que fora desprezado e dado como morto, mas que reinava e vivia em glória no Egito e sobre todos os povos.

Foi aquele José que fora humilhado pelos seus na cova e no cárcere que se levantou como socorro bem presente na hora da angustia para manter viva e acessa a Chama de Israel. Aleluia. Gênesis 37 a 50. Salmos 46.

Assim foi, assim é e assim será; Pois aquele que foi rejeitado, ferido e humilhado e que por mentira foi dado como morto pelos seus irmãos (Ele Vive e é o Vivente) foi recebido, crido e exaltado sobre as nações e reina Soberano no Céu.
E no tempo da maior aflição de Jacó, de Israel, se levantará e virá em seu socorro nas nuvens dos céus com os seus santos em poder e grande glória. “Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem; e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão o Filho do homem, vindo sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória.” Mateus 24:30. “E, quando iam, eis que alguns da guarda, chegando à cidade, anunciaram aos príncipes dos sacerdotes todas as coisas que haviam acontecido. E, congregados eles com os anciãos, e tomando conselho entre si, deram muito dinheiro aos soldados, Dizendo: Dizei: Vieram de noite os seus discípulos e, dormindo nós, o furtaram. E, se isto chegar a ser ouvido pelo presidente, nós o persuadiremos, e vos poremos em segurança. E eles, recebendo o dinheiro, fizeram como estavam instruídos. E foi divulgado este dito entre os judeus, até ao dia de hoje.” Mateus 28;11-15.

Onde está aquele que é nascido Rei dos Judeus?

A Terra.
Ele o Senhor que é Maravilhoso está reinando no coração dos humildes e contritos que creem nele segundo as Escrituras e está assentado no trono celestial e breve e oportunamente se levantará em favor de seu Povo de Israel. (Leia Isaías 57:15)

“E, caindo em terra, ouviu uma voz que lhe dizia: Saulo, Saulo, por que me persegues? E ele disse: Quem és, Senhor? E disse o Senhor: Eu sou Jesus, a quem tu persegues. Duro é para ti recalcitrar contra os aguilhões.” Atos 9:4-5.

“Pois me rodearam cães; o ajuntamento de malfeitores me cercou, traspassaram-me as mãos e os pés.” Salmos 22:16.

“Mas sobre a casa de Davi, e sobre os habitantes de Jerusalém, derramarei o Espírito de graça e de súplicas; e olharão para mim, a quem traspassaram; e pranteá-lo-ão sobre ele, como quem pranteia pelo filho unigênito; e chorarão amargamente por ele, como se chora amargamente pelo primogênito.”  Zacarias 12:10.

“E outra vez diz a Escritura: Verão aquele que traspassaram.” João 19:37.

“Eis que vem com as nuvens, e todo o olho o verá, até os mesmos que o traspassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Sim. Amém.” Apocalipse 1:7.