Pesquisar este blog

sábado, 1 de julho de 2017

Bíblia Sagrada - ACF - SBTB


Pesquise nas Escrituras

[ Ex.: graça | Ex.: Gn 1:1-10 ]

sexta-feira, 30 de junho de 2017

bibliaonline

Através deste link você tem acesso a Bíblia Sagrada em vários idiomas e versões.
Encontramos no link o Velho Testamento no original Hebraico e toda a Bíblia no original Grego.
Um verdadeiro tesouro para quem deseja conhecer a Verdade.
Vale a pena acesse e boa Leitura:

terça-feira, 20 de junho de 2017

Ezequiel 37

Veio sobre mim a mão do SENHOR, e ele me fez sair no Espírito do SENHOR, e me pôs no meio de um vale que estava cheio de ossos.
E me fez passar em volta deles; e eis que eram mui numerosos sobre a face do vale, e eis que estavam sequíssimos.
E me disse: Filho do homem, porventura viverão estes ossos? E eu disse: Senhor DEUS, tu o sabes.
Então me disse: Profetiza sobre estes ossos, e dize-lhes: Ossos secos, ouvi a palavra do Senhor.
Assim diz o Senhor DEUS a estes ossos: Eis que farei entrar em vós o espírito, e vivereis.
E porei nervos sobre vós e farei crescer carne sobre vós, e sobre vós estenderei pele, e porei em vós o espírito, e vivereis, e sabereis que eu sou o Senhor.
Então profetizei como se me deu ordem. E houve um ruído, enquanto eu profetizava; e eis que se fez um rebuliço, e os ossos se achegaram, cada osso ao seu osso.
E olhei, e eis que vieram nervos sobre eles, e cresceu a carne, e estendeu-se a pele sobre eles por cima; mas não havia neles espírito.
E ele me disse: Profetiza ao espírito, profetiza, ó filho do homem, e dize ao espírito: Assim diz o Senhor DEUS: Vem dos quatro ventos, ó espírito, e assopra sobre estes mortos, para que vivam.
E profetizei como ele me deu ordem; então o espírito entrou neles, e viveram, e se puseram em pé, um exército grande em extremo.
Então me disse: Filho do homem, estes ossos são toda a casa de Israel. Eis que dizem: Os nossos ossos se secaram, e pereceu a nossa esperança; nós mesmos estamos cortados.
Portanto profetiza, e dize-lhes: Assim diz o Senhor DEUS: Eis que eu abrirei os vossos sepulcros, e vos farei subir das vossas sepulturas, ó povo meu, e vos trarei à terra de Israel.
E sabereis que eu sou o Senhor, quando eu abrir os vossos sepulcros, e vos fizer subir das vossas sepulturas, ó povo meu.
E porei em vós o meu Espírito, e vivereis, e vos porei na vossa terra; e sabereis que eu, o SENHOR, disse isto, e o fiz, diz o SENHOR.

O Vale dos Ossos Secos. Parte 1 - Mistura Mortal

EZEQUIEL 37 

http://eltimafonso.blogspot.com.br/2017/06/ezequiel-37.html


A visão do Profeta Ezequiel, também chamado de Filho do Homem, sobre o vale dos ossos secos em uma alegoria à então situação do povo de Israel, cujo pensamento era de desterro, abandono e morte pode claramente ser aplicada a cada um de nós pecadores.
Flor de Mostarda.
A linha do tempo da história do Povo de Israel e sinuosa de altos e baixos. Quando o Povo de Israel se dispunha a obedecer ao Senhor Seu Deus, tudo ficava bem, mas quando eles deixavam de ouvir e obedecer ao Senhor Seu Deus, tudo complicava e o sofrimento era grande. 
No tempo da visão de Ezequiel, o Povo de Israel estava no cativeiro babilônico.
A mistura e a descaracterização de Seu Deus os envolvera e com Deus não se brinca e a prostituição espiritual, é tratada nas escrituras com muito rigor, e o juízo de Deus é inevitável e às vezes imediato.  No caso da prostituição física vemos o agir de Deus na misericórdia que chega a levar religiosos à loucura e a rasgar suas vestes.
Assim como foi a Palavra de Deus para Israel naquele tempo Ela o é para nós hoje, num tempo em que a mistura e o fermento da Grande Babilônia tem envolvido e levado muitos à morte espiritual.
Hoje muitos seguimentos ditos cristãos estão envolvidos na mortal mistura do que é santo com o que é profano. Não há separação e ate dizem que os fins justificam os meios. Que fim? Gloria ou desgraça eterna? 
A mistura usada por satanás foi a causa da expulsão do home do Paraíso e será a sua principal ferramenta para impedir o retorno do homem  ao Paraíso. Sem separação ninguém verá a Deus.
A solução viria pelo Homem de Deus, o profeta também chamado de Filho do Homem.

Continua.

segunda-feira, 19 de junho de 2017

sexta-feira, 2 de junho de 2017

O "Arrependei-vos", da Bíblia.

 "Arrependei-vos porque é chegado o Reino dos Céus". Mateus 3.

 Acho interessante nessa palavra que tem sido olvidada por muitos são os fatos que aconteceram ali junto ao Rio Jordão, onde se encontrava aquele que segundo as Escrituras é o maior dos nascidos de mulher, portanto maior que Abraão, maior que Davi, maior que Moisés, maior que Josué e maior que todos os profetas que profetizaram até sua chegada. Ele é o que veio na virtude e poder de Elias, o profeta de Israel.
O Profeta Elias, misteriosamente, trata-se de um judeu cuja genealogia terrena não é apresentada se assemelhando a Melquizedeque o tipo de Jesus Cristo, o Filho de Deus.
João o Batista, não vamos falar muito sobre ele e suas características, suas vestes, sua comida, sua maneira de agir, pois ele "não era como uma cana agitada pelo vento, não era alguém muito bem vestido, não era um profeta, mas muito mais do que profeta. Ele João o Batista, o precursor a Voz do que clama no deserto, concitando a todos a preparar o caminho do Senhor, com a mensagem "Arrependei-vos porque é chegado o Reino dos Céus".

O que estamos entendendo sobre arrependimento? Vejamos os fatos apresentados em Mateus 3.

O arrependimento:

A ele João o Batista iam Jerusalém  e toda a Judeia e toda a província adjacente ao Jordão e eram por ele batizados no Rio Jordão, confessando os seus pecados.
A tipo da Obra do Espírito.
Aqui urge uma pergunta curiosa e intrigante. Quem eram esses que vinham a ele e eram batizados? A resposta é com certeza tratava-se de pecadores de entre o povo, transgressores da Lei de Moisés e, por conseguinte alijados pela religião pró-forma e de regras exteriores.
Estes confessando os seus pecados com muita alegria eram por ele batizados no Rio Jordão.
Está escrito: "O reino de Deus não vem com visível aparência.”
Lembro-me aqui dos que se juntaram a Davi na Caverna de Adulão conforme lemos em 1 Samuel 22:1-2 - “ENTÃO Davi se retirou dali, e escapou para a caverna de Adulão; e ouviram-no seus irmãos e toda a casa de seu pai, e desceram ali para ter com ele. E ajuntou-se a ele todo o homem que se achava em aperto, e todo o homem endividado, e todo o homem de espírito desgostoso, e ele se fez capitão deles; e eram com ele uns quatrocentos homens.” Com certeza aqueles eram transgressores da lei de Moisés e Davi se fez capitão deles.
Vimos então um relacionamento maravilhoso entre João o Batista e os pecadores do povo que vinham para serem batizados e com certeza havia muita alegria no Céu por aqueles.

A Presunção:

Agora vejamos a chegada dos religiosos aos quais João Batista lhes diz na cara: “E, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus, que vinham ao seu batismo, dizia-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira futura? Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento;”
Eles que não eram pecadores dentre o povo, foram imediatamente identificados por João o Batista, como presunçosos e taxados de raça de víboras. A palavra foi muito dura, especialmente para aqueles que se julgavam justos e perfeitos no seu ego, para aqueles que diziam de si mesmos “temos por Pai a Abraão, nós somos discípulos de Moisés”.
 Foi em razão da couraça e da resistência da religião de regras exteriores dos quais e da qual Paulo fala, Gálatas 4:10 - “Guardais dias, meses e anos, receio de vós...”; E também Gálatas 5:4 - “Separados estais de Cristo todos os que vos justificais pela lei, da graça tendes caído.” ; O Senhor empregou várias vezes a expressão “raça de víboras” ( Mateus 12 e Mateus 23) e ainda os chamou de “filhos do diabo e disse que eles não eram de Deus”. João 8: 44 e 47.

O “arrependei-vos” no Pensamento de Deus:

O que estamos entendendo sobre arrependimento? Arrependimento de que?
Pelo texto apresentado e os acontecimentos ali descritos, chegamos ao entendimento que o arrependimento procurado pelo Senhor da Glória e da Vida Eterna e abundante é o arrependimento das obras mortas, que funestamente levam o homem natural a se julgar justificado diante de Deus pelo que fez ou pelo que deixou de fazer.
Guardaram dias, meses e anos; Tiveram casamentos perfeitos e felizes e não suportavam e nem aceitavam um separado, divorciado e arrebentado pela sociedade corrupta; na sua encouraçada comunidade religiosa; Não entraram pela porta da Graça e não deixaram os cansados e sobrecarregados entrarem. Eram muito bons cidadãos da terra e para a terra, mas nunca experimentaram a bendita dádiva e maravilhosa graça de Deus revelada em Cristo Jesus o Senhor. Nunca experimentaram o novo Nascimento que é da Água e do Espírito.
Não conseguiram ver a Graça e a Misericórdia em plena ação no Tempo da Lei (VT) e ainda insistiram e insistem em trazer a Lei para o Tempo da Graça (NT). Lamentavelmente estão separados de Cristo o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo e por isso ouvirão explicitamente por parte dEle, dAquele que era, que é e que há de vir, o Todo Poderoso: “nunca vos conheci”.
O Senhor disse de um chefe de publicanos: “hoje veio salvação a está casa, pois também esse é filho de Abraão”.

domingo, 21 de maio de 2017

A Hora da Tentação.

"Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra. Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa." Apocalipse 3:10.

O grande perigo -
A preciosa profecia aqui descrita como "a hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo", está ligada diretamente a "a hora da operação do erro". (2 Tessalonicenses 2). A tentação de deixar a verdade e ser envolvido pela mentira. Deixar o Espirito Santo e da Verdade e ser envolvido pelo espírito de engano, tão em evidência no tempo do fim.

"Enviou a sua palavra e os sarou e os livrou
da sua destruição." 
Salmos 17:20
Sabendo do grande perigo de ser envolvida pelo secularismo e apostasia dos últimos dias o Senhor Jesus Cristo exorta a sua igreja que se vê aprovada por Ele porque guardou a Sua Palavra a palavra de sua paciência. "Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa."

Não fosse a longanimidade e paciência do Senhor, nesse tempo em que o cálice da abominação já esta transbordando; Ele, por certo, já teria intervindo e cortado a crista dos grandes da terra e principalmente daqueles que se fizeram seus inimigos por anunciarem outro e falso evangelho.

Para a igreja aprovada por Ele, a preciosa promessa: "também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir..."
Para a Grande Meretriz e Mercadora (Apocalipse 18), que negociou intensamente e vendeu até almas e corpos de homens e para sua filha que aprendeu de suas feitiçarias e abomináveis idolatrias e avareza; E que não tiveram amor à verdade para se salvarem, será enviado da parte do próprio Deus a Operação do Erro, para que creiam na mentira e sejam julgados.
E quando os homens envolvidos pelo espírito do erro disserem: Há paz e segurança então lhes sobrevirá repentina destruição".
E dirão também pelo mesmo espírito de erro: "Quem há com a besta? Quem pode pelejar contra ela?"

"As Verdadeiras Palavras de Deus"
Quando o Senhor mostra a João e o faz  ouvir a Voz de Grande Júbilo no Céu, face aos dois acontecimentos de Apocalipse 19 (A queda e  juízo sobre a Grande Meretriz e as Bodas do Cordeiro) o Senhor se expressa de forma clara e objetiva, definindo o que é a verdadeira Palavra de Deus e o que não o é. "E disse-me: Escreve: Bem aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E disse-me: Estas são as verdadeiras palavras de Deus." (V.9)
Se alguém hoje anuncia o falso evangelho da prosperidade, ou se anuncia um evangelho como remendo para a sociedade e comunidade e com isso se firmam como os poderosos na religião e de um evangelho cujo alvo é a terra; Com toda certeza não entenderam, ou deliberadamente não querem entender e aceitar "As Verdadeiras Palavras de Deus".

São loucos e cegos que só têm visão para aquilo que é da terra; O que é para o desfrutar do momento, comprometendo terrivelmente suas almas "para vergonha e desprezo eterno para toda a eternidade".

Jesus Cristo o Filho bendito de Deus e Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo; Veio do Céu; É do Céu e; Busca e salva para o Céu de glória eterna e indizível. (Daniel 12)

Como escapar da operação do erro e hora da tentação que há de vir?
Olhando firmemente para Jesus Cristo, o autor e consumador e da fé: e aprendendo dEle que é manso e humilde de coração, pois a sua graça nos basta e a Sua Palavra é de vitória para todo aquele que o invocar para a salvação em Espírito em Verdade.

Apocalipse 19:1-9 - "E, DEPOIS destas coisas ouvi no céu como que uma grande voz de uma grande multidão, que dizia: Aleluia! Salvação, e glória  e honra, e poder pertencem ao Senhor nosso Deus; Porque verdadeiros e justos são os seus juízos, pois julgou a grande prostituta, que havia corrompido a terra com a sua prostituição, e das mãos dela vingou o sangue dos seus servos.
E outra vez disseram: Aleluia! E a fumaça dela sobe para todo o sempre.
E os vinte e quatro anciãos, e os quatro animais, prostraram-se e adoraram a Deus, que estava assentado no trono, dizendo: Amém. Aleluia!
E saiu uma voz do trono, que dizia: Louvai o nosso Deus, vós, todos os seus servos, e vós que o temeis, assim pequenos como grandes.
E ouvi como que a voz de uma grande multidão, e como que a voz de muitas águas, e como que a voz de grandes trovões, que dizia: Aleluia! Pois já o Senhor Deus Todo-Poderoso reina. Regozijemo-nos, e alegremo-nos, e demos-lhe glória; porque vindas são as bodas do Cordeiro, e já a sua esposa se aprontou. E foi-lhe dado que se vestisse de linho fino, puro e resplandecente; porque o linho fino são as justiças dos santos.

E disse-me: Escreve: Bem aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E disse-me: Estas são as verdadeiras palavras de Deus.”

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Calvário, lugar de Substituição! Aleluia!

"Assim também nós, quando éramos meninos, estávamos reduzidos à servidão debaixo dos primeiros rudimentos do mundo. Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, para remir os que estavam debaixo da lei, a fim de recebermos a adoção de filhos." Gálatas 4:3-5.

O Horror do Pecado e a Perfeição da Lei

Conforme João 16:8, a obra primeira do Espírito Santo na vida do homem é convencê-lo do pecado, da justiça e do juízo, sendo que o convencimento do pecado é o primeiro passo para se alcançar a salvação, pois os justos  na
"E esta é a promessa que Ele nos fez...
a Vida Eterna."
 1 João 2.
 presunção não precisam de salvação e nem de Salvador.

Porém aos olhos de Deus...

"Deus olhou desde os céus para os filhos dos homens, para ver se havia algum que tivesse entendimento e buscasse a Deus. Desviaram-se todos, e juntamente se fizeram imundos; não há quem faça o bem, não, nem sequer um." Salmos 53:2-3. (Na Bíblia católica Salmo 52:3-4)
"Como está escrito:Não há um justo, nem um sequer... Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; Sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus." Romanos 3:10, 23 e 24.

"Mas a Escritura encerrou tudo debaixo do pecado, para que a promessa pela fé em Jesus Cristo fosse dada aos crentes." Gálatas 3:22.

"Na verdade que não há homem justo sobre a terra, que faça o bem, e nunca peque." Eclesiastes 7:20.


A Perfeição da Lei. (impossível de ser cumprida pelo homem.)

Sejamos sinceros com nossa consciência! ( Leia Romanos 2)
Por mais zelosos que sejamos e o estarmos debaixo da graça, seriamos incapaz de cumprir na totalidade e plenitude a ordem e mandamento expresso nos versículos abaixo.
"E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento. Este é o primeiro e grande mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas." Mateus 22:37:40.

Alguns exemplos da impossibilidade de se cumprir a lei.

"Porque bem sabemos que a lei é espiritual; mas eu sou carnal, vendido sob o pecado. Porque o que faço não o aprovo; pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço. E, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa. ... Acho então esta lei em mim, que, quando quero fazer o bem, o mal está comigo. Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus; Mas vejo nos meus membros outra lei, que batalha contra a lei do meu entendimento, e me prende debaixo da lei do pecado que está nos meus membros. Miserável homem que eu sou! quem me livrará do corpo desta morte? Dou graças a Deus por Jesus Cristo nosso Senhor. Assim que eu mesmo com o entendimento sirvo à lei de Deus, mas com a carne à lei do pecado." Romanos 7:14-25.

"Mas todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo da imundícia; e todos nós murchamos como a folha, e as nossas iniquidades como um vento nos arrebatam." Isaías 64:6.


E mais:

"Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas." Mateus 23:23.

"E é mais fácil passar o céu e a terra do que cair um til da lei." Lucas 16:17.

"Porque qualquer que guardar toda a lei, e tropeçar em um só ponto, tornou-se culpado de todos." Tiago 2:10.
"Como acima diz: Sacrifício e oferta, e holocaustos e oblações pelo pecado não quiseste, nem te agradaram (os quais se oferecem segundo a lei)." Hebreus 10:8.

Calvário - O Horror do Pecado

Primeiramente temos que entender a diferença entre "natureza de pecado" e "atos de pecado".

A Historia do Rei Davi ( Leia 2ª Samuel 11 e 12), que por falta de vigilância cometeu "atos de pecado"; Todavia a sua natureza tinha amor e comunhão com a Palavra de Deus a Vida de Deus; E ao chegar ao seu ouvido a Palavra através do Profeta Natã, Davi logo sente sua miséria, se vê indigno e se condena a morte, mas Deus diante de sua humilhação faz passar dele a morte e lhe dá a vida e o abençoa abundantemente.
 (onde abundou o pecado... superabundou a graça). Aleluias.


A historia do Rei Saul 
foi diferente. (Leia 1ª Samuel 15, 16, 28, 31).

Aos olhos humanos ele não fez nada de errado e até diríamos que seu ato religioso foi uma iniciativa (Samuel estava demorando, o povo estava se dispersando), mas ele saiu e deixou de obedecer a Palavra de Deus e no seu ego resistiu o Profeta Samuel. A Vida Eterna está em ouvir e guardar a Palavra de Deus. Apocalipse 1:3.
"Seja todo o homem considerado mentiroso mas Deus verdadeiro."

Voltemos ao Horror do Pecado

Quando pela fé nos reportamos a Jesus, sentimos nossas misérias, nossa indignidade, choramos os nossos pecados e os confessamos a Ele, e Ele que veio isso, para perdoar e salvar, nos perdoa e nos consola. Oh Jesus Maravilhoso. Oh glórias!

No Getsemani e no Gólgota vemos o horror do pecado, o que os nosso feitos mereciam, mas Ele voluntariamente tomou o lugar do homem.
O Santo homem de Deus chamado JÓ, do qual o próprio Deus testificou, no auge de seu sofrimento e dor como registrado no capitulo 42, estando na cinza, face as suas terríveis chagas, ele que conhecia a Deus por ouvir dizer, agora ele vê o "Cordeiro de Deus tirando o seu pecado", ele tem uma visão de Jesus, o ferido de Deus, no Getsemani e Gólgota e ele o sofrido Jó, fica pasmado e ainda mesmo já estando na cinza encontra lugar para mais humilhação e arrependimento.


O Rei Davi também viu o horror do pecado no Gólgota, conforme lemos no Salmos 22 (Bíblia católica Salmos 21)


O Profeta Isaías também viu o Cordeiro de Deus tirando o seu pecado, e diz dEle:

"Como pasmaram muitos à vista dele, pois o seu parecer estava tão desfigurado, mais do que o de outro qualquer, e a sua figura mais do que a dos outros filhos dos homens." Isaías 52:14 e todo o capitulo 53.

O conhecido "Bom ladrão", viu o Cordeiro de Deus tirando o seu pecado.

E mais:

"Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor." Romanos 6:23.

"E quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e sem derramamento de sangue não há remissão." Hebreus 9:22

Aspecto Jurídico da Salvação Plena e Penalmente Satisfeito:

O que passamos a observar agora, pode ser visto literalmente no cenário da crucificação de Jesus, o Filho Unigênito de Deus.
No Gólgota, estavam três cruzes. 
Três homens julgados e condenados.
O dois ladrões:

Certamente, já haviam sido assistidos por advogados, sido julgados, apelado e a condenação confirmada.
Agora estavam ali em razão de seus feitos.
Quem sabe abandonados pela família, pela religião pro-forma, pelo estado e não tinham mais ninguém por eles. Estavam de igual modo condenados e sendo executados.

O juiz e Tribunal de César já havia decretado: Morte aos malfeitores.

Jesus Cristo o Cordeiro:

Também já havia sido julgado e o tribunal de César, manipulado pela religião pro-forma, já havia decido: Morte ao herege blasfemador.
Ele também fora abandonado por quase todos, apenas alguns dos discípulos permaneceram de longe esperando o desfecho dos acontecimentos.

? Ele poderia morrer ou ser morto? Ele que demonstrara tanto poder operando feitos poderosos, ressuscitando Lázaro?

Poderia alguém matar a Vida? João o discípulo amado, perguntava para si mesmo, poderia alguém matar a Palavra da Vida, o Verbo de Deus?

Mas Ele estava lá como ovelha muda e como Sacerdote Eterno, da ordem de Melquisedeque, oferecendo o sacrifício da tarde; Oferecendo a oferta agradável em cheiro suave. (Oh Jesus tem misericórdia de mim pecador, de nós!)


O sacrifício que a lei exigia. "Sem derramamento de sangue não há remissão de pecados."

Ali estava a Promessa de Deus, esmagando a cabeça da serpente. O silencio era total. 
Ele a Luz da Vida, recebe sobre si todas as trevas, durante três horas.
Ele a Água da Vida, tem sede e lhe dão vinagre com fel.
Ele que veio para amparar da parte de Deus, recebe o desamparo.
Tudo lhe era contrario. Não havia ali nenhum lugar para o ego.
E Ele submisso, ora em grande angustia e lágrimas:"Não se faça a minha vontade mas, a tua." "Faço como o Pai me mandou."
Ele é zombado e escarnecido, e pede a Deus e seu Pai em favor de seus algozes. Ele em vergonha foi levantado desnudo.
Alguns insensíveis não davam conta de nada, mas alguém observa e considera.
Sobre a sua cabeça machucada,a sua acusação: "Jesus Nazareno, Rei dos Judeus". 

Era muito difícil identificar um rei naquela situação. Mais parecia um ninguém, um pobre coitado.
Um dos ladrões, dos que estavam ao seu lado, não vou citar o nome dele, pois na bíblia não cita o nome de nenhum dos dois, apenas apresenta-os naquilo que eles eram "ladrões". E não tem negocio de "Bom ladrão" e "mal ladrão". Nenhum ladrão, como ladrão, não presta e não vale nada.


Um dos ladrões escarnece.
O outro o repreende, reconhecendo e disse ao seu companheiro que eles estavam ali em razão de seus males feitos, mas aquele homem sem nenhuma aparência, que era como a raiz de uma terra seca, aquele desfigurado, machucado e ferido não tinha feito mal nenhum.

E imediatamente volta-se para Jesus e contrariando toda a lógica e razão humana dos discípulos de Judas Iscariotes, vê nEle, no moribundo desfigurado um Rei que estava reinando e que iria reinar em glória.
Vê que Jesus, como inocente que era, estava morrendo ali em seu lugar como o Cordeiro de Deus tirando o seu pecado e grita, fala, apela e geme: "Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu reino".
E imediata e instantaneamente Jesus lhe respondeu: "Hoje mesmo estarás comigo no Paraíso"
"Havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz." Colossenses 2:14.

"Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro;" Gálatas 3:13.
"Veio, porém, a lei para que a ofensa abundasse; mas, onde o pecado abundou, superabundou a graça;" Romanos 5:20.

Conclusão:

O aspecto jurídico estabelecido por Deus para a salvação do homem (nossa salvação) foi plenamente satisfeito aos olhos de Deus.
O réu = Eu, homem da ordem de Adão e Eva.
A situação na origem = Culpado. Sentenciado á morte.
O promotor e acusador = Inimigo ferrenho e cruel, o diabo. Leão que ruge em derredor.
O Advogado = Jesus, a semente da mulher. O primogênito de Maria e o Unigênito de Deus.
A situação atual = Salvo unicamente pela Graça do Senhor Jesus Cristo.


"Graças a Deus, pelo seu dom inefável." "Agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus..." "Olhando para Jesus autor e consumador da fé..."


A Bíblia está se cumprindo!
Selo para "a visão e a profecia."  Daniel 9
"Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo" (sem precisar de purgatório, sem precisar de velas, sem oração por mortos, sem reencarnação, sem penitencias, sem paletó e gravata, sem ter que usar ou deixar de usar essa ou aquela roupa, sem véu de aparência, sem precisar de usar cabelo grande ou cabelo cortado, sem guardar dia de sábado, ou domingo, sem nenhuma aparência exterior, sem filosofias, sem teologias, sem precisar da ajuda de mais ninguém), mas somente pelo seu precioso sangue, por sua graça, por meio da fé. João 1.

"o seu próprio braço lhe trouxe a salvação..." Isaías 59:16.

No amor de Jesus para a Salvação eterna.


Link Anterior:

sábado, 13 de maio de 2017

Osvaldo Aranha - Brasileiro Gaúcho de Alegrete

A fundação do Estado de Israel


O Brasileiro, Gaúcho de Alegrete, Osvaldo Euclides de Souza Aranha (15/fev/1894 a 27/jan/1960) no ano de 1947, como Presidente da Assembléia Geral das Organizações Unidas (ONU), teve a tarefa de promover o voto de minerva em um momento importante da votação para reconhecimento ou não do Estado de Israel.
Rua Osvaldo Aranha em Tel Aviv / Israel

Porém, essa informação diverge da verdadeira. O que aconteceu realmente foi que ele teve tempo suficiente para fazer com que os países que eram contra mudassem de opinião e votassem a favor. Atualmente em Israel existe uma rua com seu nome na capital Tel Aviv, em homenagem a seu ato histórico.

Mercadores e Mercenários. Ai dos que vendem!

"E achou no templo os que vendiam bois, e ovelhas, e pombos, e os cambiadores assentados. E tendo feito um azorrague de cordéis, lançou todos fora do templo, também os bois e ovelhas; e espalhou o dinheiro dos cambiadores, e derribou as mesas; E disse aos que vendiam pombos: Tirai daqui estes, e não façais da casa de meu Pai casa de venda." João 2:14-16.


Se o Mestre e Senhor Jesus Cristo (João 13:13) chegasse em alguns templos ditos cristãos na atualidade, com certeza não seria diferente. O chicote ia descer com vigor, pois transformaram templos e capelas e catedrais em lugar de venda.

Apólices da Terra.

Há muita coisa sendo vendida para os fieis que em sua aflição se dispõe a pagar caro na esperança de receber sua benção e "graça" desejada.
Igreja Apostata.
Alguns entraram recentemente no comercio de objetos ungidos e sagrados. São campanhas com envelopes para serem recheados para obter casa própria, para ter sua própria empresa, para comprar o carro novo, para ser patrão, e até pagar para conseguir emprego. São vendedores de apólices da terra. e lucram muito...
Vendem de óleo e água  dito de Israel a materiais de construção. Vendem rosas, e também vendem perfumes. Vendem enxoval completo, com tapetes, lenços, toalhas, meias e etc.

Apólices do Céu.

Existem os que estão no comercio proibido a mais tempo e os tais são mais pretensiosos pois o objeto de venda é o Céu. E o Céu nunca esteve e nãoestá à venda,  pois é dado gratuitamente pela fé em Jesus Cristo. Venderam a  certidão de nascimento na igreja através do batismo econômico (com pouca água) e  introduziram o batismo de crianças pois ai o lucro seria maior; Aproveitando a ideia em voga na época dos Campos Elísios,  criaram o purgatório  que seria um lugar intermediário entre o Céu e o Inferno. Se pagar as missas, de sete, de um mês, de um ano, de dez anos, de cem anos... Sobe para o Céu; Se não pagar... desce para o inferno...
A mãe da Igreja Apostata.


Venderam as indulgências que seria para o comprador um excelente negócio, pois ele que estava à beira da morte, não precisaria mais de bens terrenos e nem queria ficar no purgatório, então a solução que lhe era apresentada pelos  mercadores da igreja era irrecusável: - Passe todos os seus bens para a igreja e  você vai direto para o Céu e a Virgem de Gada lupe, de Fátima ou de Santana  do Carambeu e o Padim Ciço, já vão vão estar te esperando de braços abertos. Era pegar ou largar... então o moribundo aceitava a justa proposta e deixava suas famílias deserdadas e partia...

O Purgatório.
Descobriram o lucrativo negócio da venda de imagens de escultura e entraram com tudo nesse campo e por toda a terra tal comercio funciona em larga escalada para  o abismo.
O Céu nunca esteve e não está à venda,  pois é dado gratuitamente pela fé em Jesus Cristo que pagou o alto preço no calvário.
As bençãos verdadeiras não podem ser compradas de Deus; Elas são dadas gratuitamente e por misericórdia do Senhor, pelos méritos de Jesus Cristo ao que crê e busca em primeiro lugar o reino de Deus e sua justiça (Mateus 6:33).
"Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie;" Efésios 2:8-9.
Lnk: http://eltimafonso.blogspot.com.br/2012/07/o-fim-e-o-lucro.html

O Juízo do Deus Todo Poderoso

Porque uma cidade como figura para a religião responsável pelo desvio e perdição de milhões e milhões de almas?
Logicamente é porque tal religião vive de imitação e a bíblia fala da Jerusalém espiritual em Apocalipse 21.
Tal religião dita cristã  diz em seu coração ser Senhora para sempre (igreja mãe); Diz em seu coração  ser a substituta de Israel nos planos de Deus; Diz em seu coração que a cidade de Roma é a substituta de Jerusalém; Seu líder diz em seu coração ser o substituto de Deus e do Cordeiro pois é chamado de Pai Santo ou Santo Padre.
Tal religião dita cristã já conseguiu imitadores de suas práticas de vendas de almas... 
Por isso o cálice da ira será derramado e sua destruição é inevitável.

Assim diz as Escrituras!

Os textos abaixo falam da destruição da Babilônia Espiritual e Grande Prostituta e Mãe de todas as prostituições da terra e fala do triste lamento de seus filhos que herdaram suas práticas anti bíblicas e se enriqueceram muito.

Apocalipse 18. 
1 E DEPOIS destas coisas vi descer do céu outro anjo, que tinha grande poder, e a terra foi iluminada com a sua glória.
2 E clamou fortemente com grande voz, dizendo: Caiu, caiu a grande Babilônia, e se tornou morada de demônios, e coito de todo espírito imundo, e coito de toda ave imunda e odiável.
3 Porque todas as nações beberam do vinho da ira da sua prostituição, e os reis da terra se prostituíram com ela; e os mercadores da terra se enriqueceram com a abundância de suas delícias.
4 E ouvi outra voz do céu, que dizia: Sai dela, povo meu, para que não sejas participante dos seus pecados, e para que não incorras nas suas pragas.
5 Porque já os seus pecados se acumularam até ao céu, e Deus se lembrou das iniquidades dela.
6 Tornai-lhe a dar como ela vos tem dado, e retribuí-lhe em dobro conforme as suas obras; no cálice em que vos deu de beber, dai-lhe a ela em dobro.
7 Quanto ela se glorificou, e em delícias esteve, foi-lhe outro tanto de tormento e pranto; porque diz em seu coração: Estou assentada como rainha, e não sou viúva, e não verei o pranto.
8 Portanto, num dia virão as suas pragas, a morte, e o pranto, e a fome; e será queimada no fogo; porque é forte o Senhor Deus que a julga.
9 E os reis da terra, que se prostituíram com ela, e viveram em delícias, a chorarão, e sobre ela prantearão, quando virem a fumaça do seu incêndio;
10 Estando de longe pelo temor do seu tormento, dizendo: Ai! ai daquela grande Babilônia, aquela forte cidade! pois numa hora veio o seu juízo.
11 E sobre ela choram e lamentam os mercadores da terra; porque ninguém mais compra as suas mercadorias:
12 Mercadorias de ouro, e de prata, e de pedras preciosas, e de pérolas, e de linho fino, e de púrpura, e de seda, e de escarlata; e toda a madeira odorífera, e todo o vaso de marfim, e todo o vaso de madeira preciosíssima, de bronze e de ferro, e de mármore;
13 E canela, e perfume, e mirra, e incenso, e vinho, e azeite, e flor de farinha, e trigo, e gado, e ovelhas; e cavalos, e carros, e corpos e almas de homens.
14 E o fruto do desejo da tua alma foi-se de ti; e todas as coisas gostosas e excelentes se foram de ti, e não mais as acharás.
15 Os mercadores destas coisas, que com elas se enriqueceram, estarão de longe, pelo temor do seu tormento, chorando e lamentando,
16 E dizendo: Ai, ai daquela grande cidade! que estava vestida de linho fino, de púrpura, de escarlata; e adornada com ouro e pedras preciosas e pérolas! porque numa hora foram assoladas tantas riquezas.
17 E todo o piloto, e todo o que navega em naus, e todo o marinheiro, e todos os que negociam no mar se puseram de longe;
18 E, vendo a fumaça do seu incêndio, clamaram, dizendo: Que cidade é semelhante a esta grande cidade?
19 E lançaram pó sobre as suas cabeças, e clamaram, chorando, e lamentando, e dizendo: Ai, ai daquela grande cidade! na qual todos os que tinham naus no mar se enriqueceram em razão da sua opulência; porque numa hora foi assolada.
20 Alegra-te sobre ela, ó céu, e vós, santos apóstolos e profetas; porque já Deus julgou a vossa causa quanto a ela.
21 E um forte anjo levantou uma pedra como uma grande mó, e lançou-a no mar, dizendo: Com igual ímpeto será lançada Babilônia, aquela grande cidade, e não será jamais achada.
22 E em ti não se ouvirá mais a voz de harpistas, e de músicos, e de flautistas, e de trombeteiros, e nenhum artífice de arte alguma se achará mais em ti; e ruído de mó em ti não se ouvirá mais;
23 E luz de candeia não mais luzirá em ti, e voz de esposo e de esposa não mais em ti se ouvirá; porque os teus mercadores eram os grandes da terra; porque todas as nações foram enganadas pelas tuas feitiçarias.
24 E nela se achou o sangue dos profetas, e dos santos, e de todos os que foram mortos na terra.

Compare Apocalipse 18 com Isaías 47.

5 Assenta-te calada, e entra nas trevas, ó filha dos caldeus, porque nunca mais serás chamada senhora de reinos.
6 Muito me agastei contra o meu povo, profanei a minha herança, e os entreguei na tua mão; porém não usaste com eles de misericórdia, e até sobre os velhos fizeste muito pesado o teu jugo.
disseste (no teu coração): Eu serei senhora para sempre; até agora não te importaste com estas coisas, nem te lembraste do fim delas.
8 Agora, pois, ouve isto, tu que és dada a prazeres, que habitas tão segura, que dizes no teu coraçãoEu o sou, e fora de mim não há outra; não ficarei viúva, nem conhecerei a perda de filhos.
9 Porém ambas estas coisas virão sobre ti num momento, no mesmo dia, perda de filhos e viuvez; em toda a sua plenitude virão sobre ti, por causa da multidão das tuas feitiçarias, e da grande abundância dos teus muitos encantamentos.
10 Porque confiaste na tua maldade e disseste (no teu coração)Ninguém me pode ver; a tua sabedoria e o teu conhecimento, isso te fez desviar, e disseste no teu coração: Eu sou, e fora de mim não há outra.
11 Portanto sobre ti virá o mal, sem que saibas a sua origem, e tal destruição cairá sobre ti, sem que a possas evitar; e virá sobre ti de repente desolação que não poderás conhecer.

Parabéns Estado de Israel! (69 anos - 14 de maio de 1948).


"Quem jamais ouviu tal coisa? Quem viu coisas semelhantes? Poder-se-ia fazer nascer uma terra num só dia? Nasceria uma nação de uma só vez? Mas Sião esteve de parto e já deu à luz seus filhos." Isaías 66:8.

Na Bíblia é assim, está escrito e aconteceu.
Capa da Revista Veja
Dia 14 de maio de 1948.

Link:


sexta-feira, 12 de maio de 2017

A Salvação vem do SENHOR! Aleluia!

"Eis que Deus é a minha salvação; nele confiarei, e não temerei, porque o Senhor Deus é a minha força e o meu cântico, e se tornou a minha salvação." Isaías 12:2.
Deserto da Judeia.

A Salvação vem do SENHOR DEUS Todo Poderoso.

Moises cantou sobre esta Salvação! (Êxodo 15:2)
  Ana cantou sobre esta Salvação! (1 Samuel 2:1)
    O Rei Davi cantou sobre esta Salvação! (2 Samuel 22:3 e 47 ; 23:5; Salmos 18, etc)
      O Profeta Isaías cantou sobre esta Salvação! (Isaías 12, 46, 49, 51, 56, 61, etc)
        O profeta Miqueias cantou sobre esta Salvação!  (Miqueias 7:7)
          O Profeta Habacuque cantou sobre esta Salvação!  (Habacuque 3:18)
            O Apóstolo Paulo falou, pregou e cantou sobre esta Salvação! "Ó profundidade das riquezas, tanto da sabedoria, como da ciência de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis os seus caminhos!.." (Romanos 9 a 11)

Todos os Santos Profetas Cantaram! Aleluia!


Hebreus 1:1-14
"Havendo Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, a nós falou-nos nestes últimos dias pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo.


O qual, sendo o resplendor da sua glória, e a expressa imagem da sua pessoa, e sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, havendo feito por si mesmo a purificação dos nossos pecados, assentou-se à destra da majestade nas alturas;  Feito tanto mais excelente do que os anjos, quanto herdou mais excelente nome do que eles.

Porque, a qual dos anjos disse jamais: Tu és meu Filho, Hoje te gerei? E outra vez: Eu lhe serei por Pai, E ele me será por Filho?

E outra vez, quando introduz no mundo o primogênito, diz:E todos os anjos de Deus o adorem.

E, quanto aos anjos, diz: Faz dos seus anjos espíritos, E de seus ministros labareda de fogo.

Mas, do Filho, diz: Ó Deus, o teu trono subsiste pelos séculos dos séculos; Cetro de equidade é o cetro do teu reino.
Amaste a justiça e odiaste a iniquidade; por isso Deus, o teu Deus, te ungiu com óleo de alegria mais do que a teus companheiros.

E: Tu, Senhor, no princípio fundaste a terra, E os céus são obra de tuas mãos.
Eles perecerão, mas tu permanecerás; E todos eles, como roupa, envelhecerão, e como um manto os enrolarás, e serão mudados. Mas tu és o mesmo, e os teus anos não acabarão.

E a qual dos anjos disse jamais: Assenta-te à minha destra, Até que ponha a teus inimigos por escabelo de teus pés?
Não são porventura todos eles espíritos ministradores, enviados para servir a favor daqueles que hão de herdar a salvação?"

"... Hoje veio salvação a esta casa, pois também este é filho de Abraão. Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido." Lucas 19:1-10



quinta-feira, 11 de maio de 2017

quinta-feira, 4 de maio de 2017

O Reino de Deus por Parábolas.

Contando diversas parábolas o Senhor Jesus e Cristo de Deus, usando as figuras do trigo e do joio, da farinha e do fermento, alerta os seus discípulos as investidas do maligno contra sua igreja até o tempo da sua volta.
Nas figuras do trigo e do joio o Senhor trata do tempo da semeadura e vemos ali o inicio da Obra e Igreja do Senhor Jesus Cristo. 
Flor de mostarda.
Vemos os Filhos do reino e Filhos da Palavra de Deus a Boa e Preciosa Semente que produz filhos para a eternidade. (1 Pedro 1:23-25, Salmos 126:6).
Vemos também que como foi lá no Jardim do Éden na semeadura do joio o inimigo colocou em descredito a Palavra de Deus e acrescentou ao que Deus havia falado.
Nesse ponto muitos nos primórdios da Era Cristã não se deram conta do quanto estavam se fazendo filhos do maligno quando acrescentavam ou diminuíam e manipulavam vergonhosamente as escrituras, a Palavra de Deus.
Lamentavelmente como o joio serão cortados e lançados no fogo.
                                           
Como grão de mostarda era a obra (Igreja) no seu inicio, que quando pequena, mas genuína servia de alimento, todavia a pequena mostarda cresceu e se tornou numa grande arvore (Império Romano Cristão) e as todas as espécies de aves se aninharam em seus ramos sujando-os com a idolatria e paganismo saindo do caminho e deixando de apresentar o Alimento Puro. (João 6; João 14)

Também o fermento que foi escondido entre as três medidas de farinha é a Igreja que era bendita e justificada pela fé, como o foi Abraão o pai da fé, deixou o que é da fé para o que é por vista dando vasto lugar às lucrativas fabricas de imagens religiosas ditas cristãs. (Gênesis 18:6; Gálatas 3:7-9).
A massa cresceu muito pela força do Império e Religião Estado, mas sem o Poder de Deus e loucura da pregação da Voz do que clama no deserto.

Tudo foi avisado de antemão pelo Senhor e Sumo Pastor e Dono da Igreja, que é para Ele o Sacerdócio Real, a Nação Santa e o Povo Adquirido.

Meditação em Mateus 13:24-58


A Igreja através dos séculos -

"Propôs-lhes outra parábola, dizendo:

O reino dos céus é semelhante ao homem que semeia a boa semente no seu campo; Mas, dormindo os homens, veio o seu inimigo, e semeou joio no meio do trigo, e retirou-se. E, quando a erva cresceu e frutificou, apareceu também o joio.

E os servos do pai de família, indo ter com ele, disseram-lhe:

- Senhor, não semeaste tu, no teu campo, boa semente? Por que tem, então, joio?

E ele lhes disse:
- Um inimigo é quem fez isso. E os servos lhe disseram: Queres pois que vamos arrancá-lo?
Ele, porém, lhes disse:
- Não; para que, ao colher o joio, não arranqueis também o trigo com ele. Deixai crescer ambos juntos até à ceifa; e, por ocasião da ceifa, direi aos ceifeiros: Colhei primeiro o joio, e atai-o em molhos para o queimar; mas, o trigo, ajuntai-o no meu celeiro.

Outra parábola lhes propôs, dizendo:
- O reino dos céus é semelhante ao grão de mostarda que o homem, pegando nele, semeou no seu campo; O qual é, realmente, a menor de todas as sementes; mas, crescendo, é a maior das plantas, e faz-se uma árvore, de sorte que vêm as aves do céu, e se aninham nos seus ramos.

Outra parábola lhes disse:
O reino dos céus é semelhante ao fermento, que uma mulher toma e introduz em três medidas de farinha, até que tudo esteja levedado.

Tudo isto disse Jesus, por parábolas à multidão, e nada lhes falava sem parábolas; Para que se cumprisse o que fora dito pelo profeta, que disse: Abrirei em parábolas a minha boca; Publicarei coisas ocultas desde a fundação do mundo.

Então, tendo despedido a multidão, foi Jesus para casa.

E chegaram ao pé dele os seus discípulos, dizendo:
- Explica-nos a parábola do joio do campo.
E ele, respondendo, disse-lhes:
- O que semeia a boa semente, é o Filho do homem; O campo é o mundo; e a boa semente são os filhos do reino; e o joio são os filhos do maligno; O inimigo, que o semeou, é o diabo; e a ceifa é o fim do mundo; e os ceifeiros são os anjos.
Assim como o joio é colhido e queimado no fogo, assim será na consumação deste mundo. Mandará o Filho do homem os seus anjos, e eles colherão do seu reino tudo o que causa escândalo, e os que cometem iniquidade. E lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá pranto e ranger de dentes. Então os justos resplandecerão como o sol, no reino de seu Pai. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça.

O Valor que temos para o comprador -
Também o reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido num campo, que um homem achou e escondeu; e, pelo gozo dele, vai, vende tudo quanto tem, e compra aquele campo.

Outrossim o reino dos céus é semelhante ao homem, negociante, que busca boas pérolas; E, encontrando uma pérola de grande valor, foi, vendeu tudo quanto tinha, e comprou-a.

Igualmente o reino dos céus é semelhante a uma rede lançada ao mar, e que apanha toda a qualidade de peixes. E, estando cheia, a puxam para a praia; e, assentando-se, apanham para os cestos os bons; os ruins, porém, lançam fora.

Assim será na consumação dos séculos: virão os anjos, e separarão os maus de entre os justos, e lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá pranto e ranger de dentes.

E disse-lhes Jesus:
- Entendestes todas estas coisas?
Disseram-lhe eles:
- Sim, Senhor.
E ele disse-lhes:
- Por isso, todo o escriba instruído acerca do reino dos céus é semelhante a um pai de família, que tira do seu tesouro coisas novas e velhas.

Uma das verdades escondidas e substituída pelo fermento da idolatria -
E aconteceu que Jesus, concluindo estas parábolas, se retirou dali. E, chegando à sua pátria, ensinava-os na sinagoga deles, de sorte que se maravilhavam, e diziam:
- De onde veio a este a sabedoria, e estas maravilhas? Não é este o filho do carpinteiro? e não se chama sua mãe Maria, e seus irmãos Tiago, e José, e Simão, e Judas? E não estão entre nós todas as suas irmãs? De onde lhe veio, pois, tudo isto? E escandalizavam-se nele.
Jesus, porém, lhes disse:
- Não há profeta sem honra, a não ser na sua pátria e na sua casa.